Benefícios do Colágeno para a pele

Benefícios do Colágeno para a pele

20 de março de 2020 1 Por Luciana Vilela

Benefícios do colágeno na pele – saiba tudo aqui

Se você é um vidrado por cuidados com a pele como eu, o colágeno é provavelmente um termo bem presente em suas pesquisas, seja de produtos, tratamentos para rejuvenescimento ou uso oral. De sérum para a pele a suplementos que contenham colágeno, você pode estar se perguntando que tipo de preocupação as pessoas tem ao procurar pelo ingrediente, que tipo de problema elas querem resolver ao consumi-lo. Para sua sorte, você pode sair da pesquisa do Google e encontrar tudo o que precisa saber sobre colágeno aqui no blog – desde os benefícios do colágeno para a pele até como adicionar colágeno à sua rotina de cuidados com a pele, o que vale a pena e o que não vale. Vamos lá!

O que é Colágeno?

Prontos para uma rápida aulinha de biologia? Prometo que será breve! Colágeno é uma proteína, uma das várias que temos em nosso corpo. Proteínas são sequências de aminoácidos, e no caso do colágeno, 3 aminoácidos formam sua estrutura: glicina, hidroxiprolina e prolina. O colágeno é a proteína mais abundante na pele, de acordo com estudo na Cleveland Clinic nos Estados Unidos, Florida. Mas não é só na pele que temos essa proteína: também nas articulações, na região ocular, temos inclusive diferentes tipos de colágeno.

colageno para a pele - beneficios - como usar

A proteína representa 75-80% da sua pele, e isso diz muito sobre como ela desempenha um papel importante na aparência da pele. O estudo afirma que o colágeno, juntamente com a elastina (outra proteína na pele), é responsável por evitar linhas finas e rugas, são eles que formam a sustentação da pele. No entanto, conforme você envelhece, os níveis de colágeno do seu corpo diminuem. Aliás, já vimos que temos um “prazo de validade” para manter nossa pele com aparência jovem, pois isso acontece não só com o Colágeno como com vários outros componentes da pele (ácido hialurônico, esqualano, etc).

Por que o Colágeno é importante para sua pele?

Agora que você sabe um pouco sobre o que é colágeno, vou explicar por que o colágeno é importante para a sua pele. A Academia Americana de Dermatologia (AAD) afirma que, à medida que o colágeno diminui, nossa pele perde a firmeza e começa a ceder, enquanto as rugas que costumavam aparecer apenas com um sorriso ou uma carranca ficam visíveis o tempo todo! Ele é responsável pela sustentação e firmeza da pele. Existem maneiras de compensar a perda natural de colágeno no nosso organismo, incluindo alimentação balanceada (ou suplementos, caso a mudança de hábitos na alimentação não seja possível), tratamentos estéticos (existem procedimentos que estimulam a produção de colágeno no nosso corpo), e os produtos para cuidados com a pele formulados com colágeno – mas abordaremos isso posteriormente. Calma ai!

O que causa a perda do Colágeno?

Então, sabemos que o colágeno é uma proteína que é encontrada naturalmente em nossa pele e que diminui à medida que envelhecemos, mas agora vamos entender como mante-lo íntegro em nossa pele pelo maior tempo possível. A oxidação das células libera os radicais livres, que são importantes degradadores de colágeno. E este efeito é cumulativo e gradual, e daí entendemos aquela frase famosa que diz que “começamos a envelhecer quando nascemos”, e é isso mesmo. Até o final deste post vocês irão entender que o envelhecimento é inevitável, e que a melhor maneira de prolongar a “vida útil” do colágeno é prevenindo sua degradação…

Existe uma perda importante nas mulheres durante a menopausa. Estudos mostram que a pele das mulheres perde cerca de 30% de seu colágeno durante os primeiros cinco anos da menopausa, de acordo com a AAD. Depois disso, as mulheres perdem cerca de dois por cento de seu colágeno todos os anos nos próximos 20 anos.

Um dos principais causadores dos danos ao colágeno é o sol – e aí, independe da idade. A exposição à radiação ultravioleta (UV) quebra o tecido conjuntivo da pele – fibras de colágeno e elastina, que ficam na camada mais profunda da pele (derme). Esses danos causados ​​pelo sol e a quebra do colágeno é o início do processo que leva ao aparecimento das rugas. Portanto, não se esqueça de usar sempre um protetor solar de amplo espectro com um FPS de 30 ou mais, pois sem dúvida a principal maneira de manter o Colágeno é começar pela sua manutenção! Evitar hábitos como o fumo também é muito importante – fumar pode levar a alterações no suprimento de sangue para a pele, o que pode contribuir para perda do colágeno.



Como evitar a perda do colágeno

Existem várias medidas que podem ajudar a combater a perda de colágeno. Algumas delas envolvem ir a um profissional, outras uma disciplina de rotina diária de cuidados com a pele e com a saúde, e em conjunto os resultados podem ser bastante benéficos. Abordaremos 5 maneiras, sendo alguns um pouco mais invasivos e caros, e outros podem ser feitos sem precisar sair de casa, na sua rotina simples diária.

o que causa perda do colageno na pele

1-Tratamento de pele: Microagulhamento

De acordo com um estudo do Centro Nacional de Informações Biotecnológicas, várias sessões de microagulhamento – um procedimento durante o qual pequenas agulhas são usadas para fazer buracos na pele – podem levar a um aumento de colágeno, reduzindo linhas finas e rugas, tamanho dos poros e levando a mais flexibilidade e elasticidade. Essa microlesões obrigam a pele a se regenerar, o que leva a um estímulo dos fibroblastos, as células que produzem o colágeno (e tendem a ficar mais “preguiçosas” com o passar do tempo).

2- Tratamento de pele: Ulltrassom

Um dos mais famosos atualmente é o Ultrassom Microfocado. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia:

” é um tratamento que foi desenvolvido com o intuito de proporcionar efeito de lifting facial de forma não-invasiva e não-cirúrgica. Essa tecnologia utiliza o calor para promover a melhora da flacidez. As ondas do ultrassom conseguem atingir e aquecer as camadas mais profundas da pele, nas quais a contração do colágeno começa a ocorrer. Ele consegue mapear toda a estrutura da pele e, somente depois, inicia o tratamento nos pontos necessários.”

O Ultrassom Microfocado age nas camadas mais profundas e não danifica as camadas superficiais, estimulando a formação de colágeno novo e promovendo um efeito lifting imediato após o tratamento, que se prolonga por meses, sendo que o pico de produção de colágeno ocorre no quarto ou quinto mês, resultando em melhora importante da flacidez.

combater perda de colágeno pela pele

3- Tratamento: Radiofrequência

A emissão de correntes de alta frequência aquece o tecido abaixo da pele, estimulando a produção de colágeno e a melhora no aspecto da cútis. Assim como nos ultrassons, a radiofrequência envolve um conceito semelhante de aquecimento do tecido da pele para estimulo da produção de colágeno. Seu dermatologista colocará um dispositivo contra a pele para aquecer as camadas mais profundas, e embora possa demorar cerca de seis meses para obter os melhores resultados, eles podem durar de dois a três anos com os devidos cuidados com a pele.

4- Ingestão de Colágeno

Como vimos anteriormente, o colágeno é uma proteína, e proteínas são formadas por sequências de aminoácidos. No processo de digestão, as proteínas que ingerimos são quebradas novamente em aminoácidos (não só o suplemento de colágeno, mas qualquer proteína presente em nossa comida como ovos, carnes, etc). Nosso corpo irá usar esses aminoácidos da maneira como ele estiver precisando – e não necessariamente para a pele.

Porém, os suplementos como Whey Protein já costumam apresentar aminoácidos livres, e existem estudos que suportam o uso de peptídeos de Colágeno via oral para melhora da aparência da pele.

“Oral intake of specific bioactive collagen peptides reduces skin wrinkles and increases dermal matrix synthesis.” Proksch E1, Schunck M, Zague V, Segger D, Degwert J, Oesser S.

Skin Pharmacol Physiol. 2014;27(3):113-9. doi: 10.1159/000355523. Epub 2013 Dec 24.

“Oral supplementation of specific collagen peptides has beneficial effects on human skin physiology: a double-blind, placebo-controlled study.”Proksch E 1 , Segger D , Degwert J , Schunck H , Zague V , Oesser S .

Skin Pharmacol Physiol. 2014;27(1):47-55. doi: 10.1159/000351376. Epub 2013 Aug 14.

O que os estudos ainda não comprovam é que o uso dos suplementos são melhores do que a melhora da ingestão de proteína através da alimentação.

Resumindo: se você pode melhorar sua ingestão de proteínas, ficará mais barato. Mas se você não quiser fazer isso por algum motivo, pode recorrer ao suplemento – mas a melhor maneira de saber qual o tipo de suplemento, dosagem e se realmente você tem necessidade de uso diário, converse com o seu médico.

5- Adicionar cosméticos com colágeno em sua rotina diária – quais os benefícios?

Ufa, isso é muita informação, mas agora vamos ao último tópico deste post: adicionar colágeno à sua rotina de cuidados com a pele através de cosméticos.

Já vimos que o colágeno existe em uma camada mais profunda da pele, a derme. Cosméticos de uso tópico não chegam a esse nível de profundidade, portanto se você gostaria de aplicar um creme com colágeno em sua pele e aumentar sua quantidade de colágeno, esqueça! Quem dera fosse fácil assim.

Cremes para a pele com colágeno sintético adicionam uma camada semelhante à película à sua pele para reduzir a perda de água e agir como uma barreira contra elementos ambientais. Resumindo: o uso tópico de cosméticos com colágeno melhoram a função barreira da pele, portanto você pode acrescentar produtos formulados com colágeno em sua rotina.

cosmetico com colageno - nanoestetic Serum Lifting

 

Sérum Lifting – Complexo vitaminado da Nanoestetic, este sérum antioxidante hidratante para rosto jovem e maduro contém colágeno para ajudar a fortalecer a barreira da pele, proporcionando uma pele mais lisa e mais macia. Ele é formulado com nano colágeno hidrolisado e reduz visivelmente os primeiros sinais de envelhecimento, incluindo linhas finas, e tem ingredientes antioxidantes que ajudam a prevenir a perda de elasticidade, além de melhorar os níveis de água na pele, evitando o ressecamento.

Já fiz uso deste produto e você pode assistir a resenha completa aqui:

A Nanotecnologia que está no produto é uma inovação, por serem ativos em nano partículas, penetram e hidratam profundamente na epiderme e ajudam a melhorar a elasticidade da pele, deixando-a viçosa e revigorada. Escolhi indicá-lo como um dermocosmético de uso diário por ter esta tecnologia nano encapsulada contém também  o ácido hialurônico, ferúlico, resveratrol, vitamina C,  Floratin, Vitamina E, que são essenciais pra uma pele vigorada e em dia, o que o torna um produto com ótimo custo benefício, já que possui vários ingredientes benéficos para a pele em um produto só.

Você pode adquirir diretamente neste link. Coloque o cupom LUVI10 para ter 10% de desconto e frete grátis.

Sérum Lifting Nanoestetic  é vegano, não testado em animais e hipoalergênico, que tem muito menos chance de causar alergias, além de ter todos os testes clínicos de eficácia, e testado dermatologicamente.

Como usar:

Todas as manhãs e noites, aplique com o conta gotas, alise suavemente o rosto e o pescoço com a ponta dos dedos até absorver completamente. Quando de dia, aplicar o protetor solar. Também pode ser usado como um “primer” antes da maquiagem onde estará tratando preventivamente os sinais de envelhecimento.

 

Saiba mais sobre o Sérum Lifting – Complexo Vitaminado que contem Colágeno Hidrolisado Nano encapsulado clicando aqui

 

Post publieditorial