Normalize Solar Oil Control Ada Tina – resenha e comparação

Normalize Solar Oil Control – protetor solar da Ada Tina para pele oleosa

Recebi o Normalize Solar Oil Control da Ada Tina e logo que comecei a usar já percebi semelhança com o meu conhecido Normalize Matte Intense, que é meu protetor solar preferido da Ada Tina para pele oleosa. Por isso, num primeiro momento farei a descrição do Normalize Solar Oil Control, mas depois será inevitável fazer uma comparação com o Matte Intense, pois vai ajudar quem já é familiarizado com Ada Tina a entender o novo protetor solar da marca.

Normalize Solar Oil Control resenha

Normalize Solar Oil Control

Normalize Solar Oil Control é o último lançamento da linha Normalize da Ada Tina, indicado para quem tem pele oleosa e precisa de um controle maior de oleosidade na pele. Aqui estão as propostas da Ada Tina:

  • Ação antioleosidade, antibrilho, antiumidade
  • resistência ao sebo
  • toque extrasseco prolongado
  • pele limpa por 12h

Ele tem FPS50 e PPD 16.9, e como todo produto Ada Tina é 100% vegano, Cruelty Free, não tem parabenos e óleos minerais, é dermatologicamente testado e não tem fragrância.

Normalize Solar Oil Control – embalagem e composição

A embalagem de Normalize Solar Oil Control é uma bisnaga plástica com tampa Flip-Top bem firme e segura, vem com 40g. O protetor tem em sua composição:

  • Filtros orgânicos (ou químicos): Uvinul A Plus, Uvinul T150, Tinosorb S, Tinosorb M e Octinoxate;
  • Filtros inorgânicos (ou físicos): Dióxido de Titânio
  • Ou seja, é o chamado “híbrido”, ou físico-químico, que mistura os 2 tipos de filtros solares

Não entendeu? Leia Filtro Físico x Químico qual a diferença?

Além disso, tem Bisabolol, que tem ação antiinflamatória e calmante, e Vitamina E, antioxidante.

Normalize Solar Oil Control resenha

 

Normalize Solar Oil Control – minha experiência e comparação com o Normalize Matte Intense

Para contar minha experiência com o Normalize Solar Oil Control vai ser bom fazer essa comparação, pois na minha pele os dois são muito parecidos, pra não dizer iguais! Conheço o Normalize Matte Intense desde que eu morava no Rio de Janeiro, peguei altos verões com sensação térmica de 45 graus, umidade intensa, e ele foi testado e aprovadíssimo. Resiste a oleosidade, mantém a pele sem brilho e ajuda bastante a conservar a maquiagem digna – e isso também aconteceu com o Normalize Solar Oil Control. Ambos tem a mesma consistência (um creme leve, fácil de espalhar), não deixam rastro branco e tem o mesmo acabamento (como mostra a foto acima), mesma sensação após algumas horas, e são compatíveis com outros produtos e maquiagem sem esfarelar.
Eu não senti uma diferença no controle da oleosidade usando um e outro, mas minha pele pode não ter exigido isso do Oil Control. Levei os 2 protetores solares para a praia e apliquei os 2 ao mesmo tempo, um de cada lado, para ver se após algumas horas eu perceberia alguma diferença que eu pudesse destacar, mas o máximo que percebi foi um toque um pouco mais “poeirento” no lado do Normalize Oil Control após algumas horas no sol, como se tivesse um filme um pouco mais aveludado. Mas só no toque, não no visual.

A resistência à água também é muito boa, o filme protetor é bem denso e custa a sair na água – mas mesmo assim o fabricante sempre indica retoques após mergulhos ou suor excessivo.

Minha dica final é: quem já conhece o Matte Intense e gosta, acha que ele atende no controle de oleosidade o suficiente para o que sua pele exige, e não quer mexer em time que está ganhando, pode continuar com ele, ou usar o Normalize Oil Control sem expectativas de encontrar um protetor super diferente, pois a experiência será bem parecida.

Quem acha que o Normalize Matte ainda poderia ser melhor no controle da oleosidade, pois sua pele está numa fase difícil, então tente o Normalize Solar Oil Control pois ele pode ter uma performance diferente a medida que sua pele exigir isso dele, pois ingredientes “secativos” e que controlam o excesso de sebo, isso ele tem.

Onde comprar e preço

Normalize Solar Oil Control e Normalize Solar Matte Intense podem ser encontrados na loja virtual da Ada Tina, ou na Dermadoctor, que me enviou o produto. O preço pode variar em promoções, mas existe um preço sugerido de 116 reais pela embalagem de 40g.

Na Dermadoctor tem um CUPOM DE DESCONTO de 5% para leitores do blog: LUVILELAPAES5

Ada Tina no blog

Biosole Fluid FPS90

Pure C FPS50 – vitamina C com protetor solar

Biosole Lev – protetor solar com textura levíssima

Biosole BB – protetor solar com cor

 

 

 

 

 

 

 

Nivea Sun Protect & Sensitive FPS60 resenha

Nivea Sun Protect & Sensitive para peles sensíveis e delicadas

Conheci Nivea Sun Protect & Sensitive no começo do ano e já fiz vários testes com ele, em mim e na Isabela (dermatite atópica). Ele é indicado para corpo e rosto – eu só uso no corpo, Isabela usa no rosto e no corpo, e hoje vou descrever o produto e a experiência que tivemos:

Nivea Protect Sensitive resenha protetor solar Nivea

Nivea Protect & Sensitive FPS60

Nivea Protect & Sensitive é um protetor solar para pele delicada e sensível ao sol. Não tem perfume, nem corantes ou conservantes, tem vitamina E e é resistente à água. A Nivea não menciona o PPD, então geralmente eu considero que seja o mínimo exigido que é 1/3 do valor do FPS, no caso 20.

(Como um alto fator de proteção é UVA é uma vantagem adicional de um protetor solar, eu sempre considero que a marca daria destaque ao fato de fazer um produto com PPD maior que 1/3 do FPS, por isso, quando a marca não destaca, eu considero o valor mínimo na minha decisão de compra)

A embalagem de Nivea Protect & Sensitive é branca, se destaca dos demais protetores Nivea Sun. Aliás, o outro protetor Nivea de embalagem branca é o Nivea Sun Kids Sensitive, faz sentido. Tem tampa Flip Top bem firme e resistente, já viajou e ficou em bolsas de praia e piscina e nunca quebrou nem abriu acidentalmente.

Nivea Protect Sensitive resenha protetor solar Nivea

Nivea Sun Protect & Sensitive – minha experiência

Eu já posso começar contando que de todos os Nivea Sun que eu já usei no corpo, e foram muitos, Nivea Sun Protect & Sensitive é o meu preferido. Por 2 motivos: pela ausência de fragrância e pela textura, que é menos densa que os outros. Não que ele seja leve e fluido, pelo contrário, é um creme consistente e que forma um filme denso na pele, mas é menos pesado que os outros.

Nivea Protect Sensitive resenha protetor solar Nivea

Ele é 100% químico, ou seja tem somente filtros solares “químicos”, ou orgânicos, isso pode ajudar a explicar a textura mais leve que a dos outros.

Após ser espalhado eu percebo um filme denso e branco (até porque eu não poupo na quantidade, especialmente na praia), e a resistência à água me impressionou. Após mergulhos, eu passo a mão no rosto e vejo a camada branca ainda na pele (claro que isso não quer dizer que eu não preciso retocar e não garante que esse produto que está na pele ainda ofereça proteção, mas indica que o filme protetor resistiu à água, o que já é uma boa coisa). Em muito tempo de uso, praia, piscina e atividades ao ar livre, ninguém aqui em casa teve problemas de vermelhidão usando este produto. A Isabela consegue usar sem ter nenhuma reação, mas lembrando que eu nunca passo protetor solar ou hidratante em creme se ela estiver com crise (pele estourada, machucada), pois nesse caso só óleo ou pomadas recomendadas pelo dermatologista. Ela usa no rosto, sua pele seca suporta bem. Eu não… lembrando que a Nivea indica para corpo e rosto, usar ou não fica a critério e gosto de cada um…

Depois quero publicar mais resenhas de protetor solar Nivea para vocês terem comparações 😉

Onde comprar e preço

Nivea Protect & Sensitive vem com 200ml e vi preços entre 45 a 60 reais. O bom da Nivea é que é muito fácil encontrar promoções e kits com 2 produtos quase pelo preço de 1. Pesquise em grandes lojas de departamentos, farmácias e supermercados também, lojas físicas e online.

Nivea no blog

Nivea Milk Mousse – resenha

Nivea Urban Detox Hidratante

Nivea Facial Creme Antissinais

Urban Detox Minimiza Poros

Nivea Q10 PlusC

 

 

Qual melhor Protetor Solar: FPS30 FPS50 ou FPS100?

Qual o melhor protetor solar para comprar – a diferença entre os FPS

Para comprar o melhor protetor solar você precisa entender algumas coisa, não só para comprar mas também para saber como usar – sim, porque a forma de usar pode fazer com que o produto funcione ou não! Continue comigo para entender como escolher o melhor protetor solar para você.

Recebo muitas perguntas do tipo: “eu estou usando um protetor solar muito bom para a minha pele, mas ele tem FPS30 e eu acho muito baixo, quero trocar. O que você me indica?”

Geralmente eu indico: “não troque”. E hoje vou explicar porque!

Anotem isso:

O MELHOR PROTETOR SOLAR É AQUELE QUE VOCÊ USA.

Parece uma frase boba, não é? Mas entenda melhor:

Se você usa um protetor com FPS30 que te satisfaz em vários aspectos como acabamento, cor na pele, durabilidade, preço, cor, etc (tem tantos quesitos para nos agradar ou desagradar em um protetor solar, não é?) não precisa trocar de protetor só por causa do FPS, e é isso que eu quero que você entenda com este post. Se você trocar por um protetor solar FPS100 que é mais caro, mais difícil de achar, com o qual você não se sente confortável, e vai ter até preguiça de passar em algumas situações, é melhor ficar com o seu FPS30 mesmo. E tenho dados para justificar isso!

Melhor protetor solar é sempre o que tem FPS mais alto?

O FPS é um indicador usado mundialmente que indica o tempo, e não a eficácia de um protetor solar. Pense nisso! Vou dar um exemplo prático para você entender:

Qual melhor protetor solar FPS30 FPS50 FPS100

Um protetor solar FPS30:

EM RELAÇÃO AO TEMPO:

  • PROTETOR FPS30  possibilita que você fique 30x mais tempo exposta ao sol sem sofrer os primeiros eritemas devido à exposição solar (sem ficar vermelha, sem ter inflamação na pele)

EM RELAÇÃO À EFICÁCIA:

  • Ele te protege contra 96% da radiação. Para visualizar isso, imagine-se tomando sol por trás de uma peneira cuja trama está 96% fechada.

Agora vamos comparar com um PROTETOR SOLAR FPS50:

  • PROTETOR SOLAR FPS50 possibilita que você fique 50x mais tempo ao sol nas mesmas condições descritas acima;

EM RELAÇÃO A EFICÁCIA:

  • FPS50 protege contra 98% dos raios solares (de novo, lembre-se da peneira – aqui ela está só mais um pouco fechada, 2% a mais)

PROTETOR SOLAR FPS100:

EM RELAÇÃO AO TEMPO:

  • protege 100x mais tempo do que se não estivesse usando nada;

EM RELAÇÃO A EFICÁCIA;

  • Protege contra 99% da radiação.

Percebem como o maior ganho com a diferença de FPS é em relação ao tempo, e não à eficácia?

O que eu quero dizer com isso?

VOCÊ NÃO FICA MAIS PROTEGIDA AO USAR UM PROTETOR SOLAR COM FPS MAIOR.

VOCÊ SÓ FICA PROTEGIDA POR MAIS TEMPO.

E isso é fácil de resolver – com os RETOQUES!

Melhor protetor solar é o que você usa DIREITO, e RETOCA!

Aqui está o segredo: ao usar um protetor solar na quantidade adequada ( veja em “qual a quantidade certa de protetor solar para o rosto” você garante a proteção indicada pelo fabricante, tanto no FPS (em relação aos raios UVB), como no PPD (em relação aos raios UVA) e na “eficácia” (em relação a quantidade de radiação). Por isso, um protetor solar FPS30 usado e retocado adequadamente atende às necessidades de fotoproteção “quase” tão bem quanto os de FPS50 ou mais. Ênfase nas aspas, já que não posso dizer que proteger 96% não é a mesma coisa que proteger 98 ou 99%.

Aliás, vou contar uma coisa importante: na Europa, as embalagens dos protetores solares não podem destacar o FPS quando ele é maior que 50. Se o protetor solar oferecer FPS90, ele deve colocar na embalagem FPS50+

Agora eu entendo o motivo! Se eles entendem que a pessoa está protegida satisfatoriamente com o FPS50, 70 ou 90, o FPS não precisa ser o motivo principal que faça alguém escolher o produto que quer comprar, algo parecido como um propaganda “enganosa”. No Brasil, por exemplo, é proibido que uma empresa coloque no rótulo uma característica do produto que seja algo inerente ao produto, como por exemplo: “água sem glúten”. Ora, toda água é sem glúten, então não se pode colocar isso no rótulo fazendo o consumidor concluir que “só aquela água não tem glúten, as outras tem”. Da mesma forma, se um protetor solar FPS50 te protege tão bem quanto um FPS90 E AMBOS PRECISAM SER RETOCADOS, não faz sentido destacar o FPS na embalagem, induzindo o cosumidor a pensar que está MAIS PROTEGIDO com o FPS maior.

Entenderam? E tem mais:

Uma pessoa que usa um protetor solar FPS100 tem a tendência de pensar que está muito protegida e não precisa de retoque, mas precisa sim. Em toda embalagem de protetor solar existe o aviso de que é necessário o retoque:

  • se você suar
  • Se você entrar na água, nadar;
  • se você se expuser ao sol intencionalmente, como por exemplo quando vai à praia (muitos filtros perdem a garantia da estabilidade com exposição intensa ao sol).

Sem falar em uma coisa importante: será mesmo que você aplicou a quantidade certa?  ¯\_(ツ)_/¯

Ah, mas meu dermatologista nunca me indica um protetor solar FPS30!

Já ouvi muitas vezes de dermatologistas: não gosto de indicar FPS30 porque eu já sei que as pessoas não usam o protetor solar adequadamente no dia a dia. Como eles já contam com esse “desleixo”, eles indicam um protetor solar com FPS maior para garantir. Sim, um protetor solar FPS100 mal aplicado irá se comportar como se fosse um FPS30, ou algo parecido para mais ou para menos.

Seu MELHOR PROTETOR SOLAR, qual é?

Por tudo isso, o que eu quero que vocês entendam, é o seguinte: já é tão difícil, entre tantas opções de protetor solar, encontrar um produto que te atenda em tantos aspectos: tem que ter um preço que você pode pagar, um acabamento que agrade seu gosto, ser confortável, ficar bonito na sua pele, reagir bem com sua maquiagem, ter uma cor legal (no caso do protetor solar com cor), então se você encontrou um protetor solar que é tudo isso pra você, não se preocupe em TER QUE TROCAR – a não ser que seu médico indique (converse com o seu dermatologista sempre!). Lembre-se de retocar quando for indicado, e use a quantidade adequada que você consegue garantir a fotoproteção de que precisa.

Aliás, isso eu quero destacar: seu dermatologista terá a última palavra, já que ele é o médico, ele é o responsável pelo seu tratamento e entende os mecanismos da sua pele. Este post é para um direcionamento geral para quem busca um protetor solar de uso diário por conta própria, que isso fique bem claro 😉

E aí? Você já passou por esse dilema de querer trocar o protetor solar por causa do FPS? Me conte, quero saber!

 

 

 

 

Biosole Fluid FPS 90 da Ada Tina resenha – protetor solar para melasma

Biosole Fluid FPS90 da Ada Tina – alto fator de proteção contra raios UVA e UVB

Biosole Fluid FPS90 é o último lançamento da Ada Tina da família de protetor solar Biosole (tem outros protetores dessa linha, vou deixar o link das resenhas no final do post), e para mim é o melhor deles! Ele tem uma textura bem fluida, que justifica o nome, e um alto valor de proteção contra os raios UVB – FPS90 – e UVA – PPD 42, 3). Por isso, ele é indicado especialmente para quem tem muita sensibilidade à exposição solar e também quem está na luta contra o melasma. Pode ser usado por quem tem todo tipo de pele (oleosa, mista, normal, seca) e inclusive quem tem pele sensível, pois é hipoalergênico.

Biosole Fluid FPS90 - Ada Tina - resenha de protetor solar

Algumas características gerais:

-Serve para todo tipo de pele

-Toque Seco

-Alta resistência à água e ao suor

-Vegano, Cruelty Free

-Sem Parabenos

-Não tem óleo mineral

Assista o vídeo com resenha e aplicação no rosto:

 

Biosole Fluid FPS90 – embalagem e características do produto

A embalagem do Biosole Fluid é diferente das outras embalagens de protetores solares da Ada Tina exatamente por causa de sua textura, que é mais líquida. Ele vem em um tubinho, com 40ml, e um bico dosador, que deixa o líquido sair aos poucos. O produto deve ser agitado antes do uso por recomendação do fabricante.

Ele é um líquido com nenhuma viscosidade, branco, mas ao ser espalhado não deixa rastro na pele exatamente por ser leve demais, e rapidamente absorvido.

Biosole Fluid FPS90 - Ada Tina - resenha de protetor solar

Biosole Fluid FPS90 – Fórmula

A fórmula do Biosole Fluid tem o Difendiox, que é o complexo antioxidante patenteado pela Ada Tina (muitos protetores solares tem um reforço de antioxidantes na fórmula para incrementar as defesas da pele contra a ação danosa da radiação solar), e tem filtro físico (dióxido de titânio) e alguns filtros químicos, entre eles o famoso Tinosorb (Tinosorb S e Tinosorb M), famoso pela sua estabilidade. O resultado é um protetor solar leve e eficiente, e com acabamento bem seco e confortável.

Biosole Fluid FPS90 - Ada Tina - resenha de protetor solar

Biosole Fluid FPS90 – minha experiência de uso

Usei o Biosole Fluid FPS90 bastante desde o começo de fevereiro, e tenho mostrado as aplicações nos stories do meu instagram (@luvilelapaes). Durante esse período, testei o produto em dias de muito calor, em atividades físicas como corrida ao ar livre, piscina, e fiquei muito satisfeita com o desempenho. Ele aceita bem o retoque, não esfarela e quando usado por baixo da maquiagem também não prejudica a aparência da base. Eu considero a minha experiência com o Biosole Fluid como sendo uma das duas melhores experiências com protetor solar da Ada Tina – o meu preferido continua sendo o Normalize Matte Intense, pelo seu acabamento matificante, e o melhor Biosole é o Biosole Fluid, por seu acabamento seco (ele não matifica mas seca e fica bastante confortável em minha pele mesmo em dias quentes e úmidos) e também pelo altíssimo fator de proteção. Lembrando: o valor obrigatório mínimo de um PPD é de 1/3 do valor do FPS (expliquei isso no post: o que é PPD protetor solar? ) e o Biosole Fluid FPS90 foi além disso e tem um PPD de 42,3! É um protetor solar excelente na minha opinião, entre os 2 melhores da Ada Tina.

Biosole Fluid FPS90 - Ada Tina - resenha de protetor solar

Onde comprar e preço

Biosole Fluid FPS90 é encontrado na loja virtual da Ada Tina e também nas farmácias e lojas de cosméticos que comercializam a marca, custa atualmente R$135,00 a embalagem com 40ml.

Mais protetor solar Biosole no blog:

Biosole Oxyprotetor solar com vitamina C

Biosole Levprotetor solar com textura levíssima

Biosole BBprotetor solar com cor

Biosole AVprotetor solar anti-idade

 

 

Biossance Squalane Mineral SPF45 – protetor solar mineral – resenha!

Biossance Squalane Mineral SPF45 – resenha de protetor solar 100% físico

Biossance Squalane Mineral SPF45 é um protetor solar mineral, ou seja, os filtros solares presentes na fórmula são físicos – óxido de zinco e dióxido de titânio. Aliás, ele foi um dos protetores que eu mostrei no post em que indiquei os protetores minerais à venda no mercado brasileiro, lembram? Só que eu nunca tinha usado nada da Biossance, até o dia em que a marca entrou em contato comigo e me enviou 3 produtos para testar – e este foi o primeiro.

Biossance Squalane Protetor solar mineral - resenha

Biossance Squalane Mineral SPF45

 

A embalagem do protetor solar mineral da Biossance é uma bisnaga plástica com uma sobretampa em plástico dourado fosco, e por baixo tem uma válvula pump que libera o produto. Os rótulos da marca são bem limpos, e todas as informações do produto, inclusive composição, ficam na embalagem de papel. O nome do produto é Squalane Mineral pois o ingrediente principal desenvolvido pela Biossance pela Biotecnologia é o Esqualano 100% vegetal, extraído da cana de açúcar, um ativo extremamente hidratante, que assim como o ácido hialurônico, retém umidade na pele. Assim como todo produto da Biossance, o Esqualano está na fórmula deste protetor.

Biossance Squalane Protetor solar mineral - resenha

O fato de ser um protetor solar mineral, ou seja, 100% físico, faz com que seja um produto de menor potencial de causar alergia, além de ser mais estável, porém é mais denso e tem uma aparência cosmética mais pesada (deixa o rosto branco) – mas a Biossance até que arrumou uma maneira de contornar isso e eu vou falar daqui a pouco).

Biossance Squalano Mineral SPF45 – composição

Biossance Squalano Mineral é um protetor solar que oferece outros benefícios além da proteção contra radiação UVA/UVB:

  • esqualano – oferece hidratação
  • Fermento Thermus Thermphilus – antioxidante – reforça a proteção contra os danos causados pela radiação
  • Óleo de Camomila e Extrato da raiz de gengibre – ajudam a reduzir a vermelhidão da pele causada pela exposição solar
  • Partículas refletoras de luz – aqui está o diferencial no acabamento que eu mencionei antes – ele dá um efeito de primer iluminador, deixando a pele com um viço bonito, que melhora bastante o aspecto de protetor solar branco e pesado que é comum entre os protetores solares físicos.

Biossance Squalane Protetor solar mineral - resenha

Biossance Squalane Mineral SPF45 – aplicação e experiência com o protetor solar no rosto (pele oleosa)

Como dá pra ver na foto acima (e no vídeo também, onde faço a aplicação no rosto – assista para ver o resultado!) ele é bem denso, parece uma pomada. Na hora de aplicar, tem um segredinho ensinado pela marca nas suas redes sociais – não dá pra aplicar o protetor direto no rosto. Tem que colocar um pouco de protetor na ponta dos dedos de uma mão, e esfregar um pouco com as pontas dos dedos das duas mãos, para aquecer ligeiramente o produto e então aplicar na pele. Isso faz muita diferença – eu testei dos 2 jeitos e percebi isso!

Após aplicar, imediatamente o rosto fica bastante branco. Em poucos minutos, ele seca e a aparência vai melhorando, ficando mais discreta, e o rosto fica só iluminado e com um viço bonito. O acabamento não é matte mas a pele fica bem confortável e seca – e eu peguei dias muito quentes, e ele se comportou muito bem, segurando a oleosidade, não escorrendo, não esfarelando, e sem ficar pegajoso.

Onde comprar e preço

Biossance Squalano Mineral SPF45 é encontrado na loja online da marca, ou nas lojas físicas e online da Sephora. O preço da bisnaga com 50ml é R$249,00 – e quando falei isso nas minhas redes sociais eu escutei muita reclamação! Eu entendo quem chora (eu, inclusive, claro que eu gostaria que um bom produto como esse fosse acessível à todo mundo que se interessasse) mas entendo também que as marcas tem diferentes preços por vários motivos – e tem quem compre por achar que ainda assim vale a pena.

Biossance é uma marca de biotecnologia, que investe em pesquisas e tecnologia para produzir seus ativos de maneira 100% sustentável e ecologicamente correta, é vegana, cruelty free, apoia causas sociais importantes. Além disso, é importada (e nós sabemos que a maioria absoluta de tudo que chega ao Brasil é muito mais caro (na Sephora americana ele custa U$39,00), além disso tem seu posicionamento no mercado. Quem compra Biossance, compra a ideia da marca, incluindo seus valores, e sabe que está pagando a mais por isso. Então, tem o público que compara apenas o produto (protetor por protetor todos nós sabemos que existem muitas opções que custam menos) e tem o público que não olha o preço, mas quer consumir esses valores. E sim, tem um público grande com esse perfil, tanto é que eu recebi muitas mensagens de consumidores fiéis da marca quando recebi os produtos em casa e mostrei no Instagram.

Aliás, já me segue lá? @luvilelapaes

Protetor solar mineral

Outro protetor solar mineral resenhado no blog é o Protetor Solar em Pó Moderm – com cor, bege claro.

 

 

O que é PPD do protetor solar? Qual a diferença do FPS?

O que é PPD do protetor solar e por que é importante?

PPD do protetor solar não é uma informação muito clara nos produtos, mas quem tem melasma e principalmente, quem frequenta os consultórios de dermatologistas já ouviram falar bastante e entende melhor a importância dele. Como na internet a informação se propaga rapidamente, muita gente já ouviu falar nessa sigla mas ainda não entende o que é, e por que seria importante saber o que é. Aqui no blog e no canal eu recebo muito essa pergunta, tá aí o motivo do post.

(Mais um post do blog que é escrito pela demanda, haha)

PPD do protetor solar – o que significa essa sigla?

PPDPersistent Pigmented Darkening – ou “escurecimento persistente do pigmento” – isso literalmente, mas o que você precisa entender é que se trata do escurecimento da pele pelo pigmento, que no caso é a melanina.

Ok, mas como isso se traduz no protetor solar?

Já nos acostumamos com o FPS do protetor solar, e muitas pessoas o consideram tão importante que levam em conta o FPS para escolha do seu protetor solar. E ele é realmente importante:

PPD x FPS

O FPS indica o “tempo a mais” que uma pessoa pode ficar exposta ao sol sem ter qualquer alteração na pele, como eritema e vermelhidão.

Por isso, se você escolhe um FPS 30, significa que pode ficar 30x mais tempo ao sol sem se preocupar.

Por exemplo: se seu tipo de pele pode ficar por 5 minutos ao sol, aplicando um protetor solar na quantidade correta ele permite que você fique: 5 x 30 = 150 minutos ao sol (ou uma hora e meia).

Opa, já falei sobre isso aqui no post: qual a quantidade de protetor solar para o rosto?

Isso acontece porque o FPS indica a proteção do produto em relação aos raios UVB – os raios UVB atingem a camada superficial da pele, é a radiação que causa a vermelhidão.

Já o PPD do protetor solar se refere à proteção contra os raios UVA, que atingem as camadas mais profundas da pele, e que são responsáveis pelo aparecimento do câncer de pele, do envelhecimento, da quebra das cadeias de colágeno, e também responsável pela ativação dos melanócitos – as células que liberam a melanina, o pigmento da pele.

Qual o valor do PPD do protetor solar?

Quando o fabricante do protetor solar não destaca o valor do PPD na embalagem (e a maioria das marcas não faz isso, apenas mencionam que tem a proteção UVA, ou colocam +++ para dizer que tem alta proteção UVA), considere o valor do PPD como no mínimo 1/3 do valor do FPS, pois é o mínimo exigido pela legislação.

FPS 60 = PPD 20

Porém, algumas marcas fazem questão de colocar a alta proteção UVA em destaque na embalagem:

PPD protetor solar - o que é, qual o valor

O protetor solar da Ada Tina, marca de dermocosméticos que sempre aparece aqui no blog, acabou de lançar o Biosole Fluid, com valor alto de PPD: 42,3 – bem maior que o mínimo de 1/3 do FPS, que seria 30.

PPD – importância para quem tem melasma

Se você tem melasma, deve ter percebido um detalhe importante que eu mencionei na descrição da ação dos raios UVA na pele: é o responsável pela ativação dos melanócitos, ou seja, o principal responsável pelas manchas na pele. Por isso, como a proteção solar adequada é um dos principais pilares do tratamento contra melasma (não só no tratamento, mas na manutenção dos resultados), não deixe esse detalhe passar despercebido. Considere o alto valor do PPD de um protetor solar na hora de comprar o seu.

Aliás, se você tem melasma, veja também o post onde eu falo sobre protetor solar mineral.

 

 

Heliocare Max Defense FPS90 resenha!

Heliocare Max Defense – protetor solar com forte ação antioxidante

Estou usando o protetor solar Heliocare Max Defense Gel FPS90 nas últimas semanas e estou bem impressionada com este produto. Ele tem várias qualidades em um produto só, e a principal delas, para mim, é o alto FPS – mas os outros benefícios eu também quero contar ao longo do post, vamos lá!

Heliocare Max Defense FPS90 – embalagem e apresentação

A embalagem do Heliocare Max Defense é uma bisnaga plástica, com tampa flip-top. Vem com 50g de um gel-creme, que tem uma coloração bege clara parecida com um bb cream, mas que não deixa nenhum pigmento na pele. Tem um cheiro muito agradável de chá, algo herbal, que não me incomoda mas é importante mencionar pois muitas pessoas não tem boa relação com cosméticos com fragrância. Trata-se de um protetor híbrido, ou seja, tem filtros físicos e químicos.

Heliocare Maxdefense FPS90 resenha protetor solar

Heliocare Max Defense FPS90 – o que diz a marca

A Heliocare, marca atualmente distribuida no Brasil pela FQM Melora, descreve este protetor solar como um fotoprotetor de uso diário para peles extremamente sensíveis frente às radiações solares.

“Oferece proteção muito alta contra queimaduras solares e previne os danos causados pela exposição excessiva ao sol (rugas e pigmentação cutânea). Formulado com uma combinação de filtros fotoestáveis e com exclusiva tecnologia patenteada Fernblock ®XP (rico em ácido ferúlico, ácido cafeico e chá verde). Este filtro fitobiológico tem comprovada ação fotoimunoprotetora que fortalece as defesas da pele, protege contra os malefícios do sol e promove ação antioxidante. Cosmética com textura suave que não branqueia a pele.”

O parágrafo anterior foi transcrito da embalagem do produto, portanto é a descrição do fabricante, que eu sempre gosto de colocar antes de mostrar a minha experiência… então agora vamos ver como tem sido usar o protetor solar Heliocare Max Defense Gel FPS90

Minha experiência com o Heliocare Max Defense

Como disse no início do post, a qualidade que mais me conquista no caso deste protetor é a alta proteção – FPS90 (proteção UVB) e PPD30 (proteção UVA, estou considerando o valor mínimo, já que não consta na embalagem). Além disso, o fato de ser bastante antioxidante (os ácidos ferúlico e cafeico, além do chá verde, são antioxidantes potentes), o que garante maior defesa da pele contra os radicais livres e sinais de envelhecimento, que aliados aos cuidados que eu tenho mantém a pele jovem por mais tempo. Quem se preocupa com os sinais de envelhecimento valoriza isso demais!

Em relação ao acabamento, ele não fica seco na minha pele oleosa. Também não acrescenta óleo, mas forma aquela camada fina, como um hidratante confortável, mas que te lembra o tempo todo que tem um creme ali. Eu não considero que ele seja um gel, mas sim um creme-gel – espalha com muita facilidade, não deixa rastro e nem resquício de cor (ele não é branco, mas tem cor de uma base bem clara, porém esta cor não fica na pele e nem serve para uniformizar, ao ser espalhado fica transparente).

Eu já usei em várias quantidades, e ele nunca esfarelou. Fica só mais difícil de secar quando usa muito produto, mas pelo menos não esfarela e aceita bem uma maquiagem por cima.

Enfim, quem tem pele oleosa e gosta de acabamentos secos e/ou matificantes tem que escolher se os outros benefícios do produto irão valer a pena ter um acabamento hidratante. Na minha opinião, acho uma troca válida, por isso estou usando e pretendo aproveitar esse produto ao máximo.

Outro ponto importante: recebi algumas mensagens no Instagram, mencionando que a Heliocare substituiu a fórmula deste protetor recentemente. A nova fórmula, segundo esses usuários, é mais seca, e bem branca. Eu estou descrevendo isso pois quem já conhece o produto há mais tempo pode estranhar isso.

Heliocare Maxdefense FPS90 resenha protetor solar

Componentes do Heliocare Max Defense FPS90

Para entender a ação deste protetor solar, veja como a Heliocare explica sua tecnologia:

“A tecnologia patenteada Fernblock® XP é rica em ácido ferúlico, ácido cafeico e chá verde, e contém Extrato de Polypodium leucotomus, uma espécie originária da América Central. Esta espécie de samambaia foi há milhares de anos atrás uma planta aquática que, depois evoluiu para uma planta terrestre. Desta forma, desenvolveu mecanismos próprios de defesa contra a radiação UV. Este extrato é obtido através de procedimentos farmacêuticos  estritamente controlados, para assegurar total eficácia e segurança.

Onde comprar e preço

A Kutiz, loja parceira do blog que me enviou este produto, ainda tem unidades dessa fórmula antiga, mas caso façam questão dessa fórmula sugiro que confirmem antes de comprar. Atualmente, ele está na promoção por R$71,16 a embalagem com 50g.

Sunsafe Protetor Solar sem cor FPS60 Darrow

Sunsafe Oil Free – o protetor solar do meu inverno

Estou usando o Sunsafe Oil Free Protetor Solar que recebi da assessoria da Darrow e desde que experimentei resolvi fazer uso contínuo nesta época do ano, seca e fria. Vocês tem percebido em minhas últimas resenhas, especialmente após a mudança pra BH, que eu tenho preferido usar produtos mais densos, que me deixam mais confortáveis no tempo seco – aqui está seco demais (ou sou eu que ainda estou me readaptando!). Só sei que essas escolhas tem feito muito bem pra minha pele, e estão fazendo minha pele sensível passar ilesa pelo inverno. O Sunsafe é um protetor solar que tem me ajudado nisso e vou explicar nesta resenha como ele é para vocês entenderem minha escolha.

Recebi também o Actine Sabonete Líquido, já viram a resenha?

Sunsafe Protetor Solar Oil Free sem cor Darrow - resenha

Sunsafe Oil Free – como ele é?

Sunsafe Oil Free vem em embalagem plástica, uma bisnaga com tampa flip-top bem firme, com 50ml. Ele tem uma consistência mais firme e densa, quase no caminho de ser uma pomada. Por ter essa densidade, acaba deixando rastros brancos na hora de espalhar, inclusive logo depois de espalhado eu percebo uma alteração no meu rosto, que fica um pouco mais branco. Porém, em alguns minutos o protetor “assenta” na pele e a aparência volta ao normal(gente, eu não consigo usar outra expressão, kkkkkk! Eu quero dizer que o produto “se acomoda”, chega no ponto que tem que ficar).

Sunsafe tem toque seco? É bom para pele oleosa?

Segundo a descrição da Darrow, Sunsafe tem “toque seco”. Como eu sempre diferencio em minhas resenhas, toque seco é uma coisa, acabamento matificante é outra. Se o protetor matificante “chupa” a oleosidade da pele, o toque seco some após o tempo de secagem. Mas para mim, em minha pele, o Sunsafe não é nenhuma coisa nem outra – LEMBRANDO QUE isso é uma reação muito individual, ele pode muito bem secar totalmente na SUA pele se ela é diferente da minha.

Por outro lado, levando em consideração que a Darrow tem uma linha própria de cuidados para pele oleosa, que tem acabamento mais seco – a linha Actine – então o Sunsafe pode muito bem ser direcionado a outro público, não acham? Aí, quem quer dar prioridade ao acabamento mais seco poderia ir para o protetor solar Actine (não usei ainda mas li muitos elogios lá no canal, assim que puder vou usar).

Mas uma coisa importante que devo mencionar é que ele não altera a oleosidade da pele, não causou acne, enfim, não é porque o acabamento não é totalmente seco que ele vai prejudicar quem tem pele oleosa. Como eu tenho dito, eu ando gostando deste acabamento mais denso nos produtos que tenho usado exatamente pela sensação de conforto e proteção que eles tem me proporcionado, por isso estou achando que ele está sendo muito benéfico neste inverno.

Sunsafe Protetor Solar Oil Free sem cor Darrow - resenha

Sunsafe – Proteção UVA e UVB

Liguei no SAC da marca para tirar minha dúvida sobre o PPD (Persistent Pigmented Darkening) – que se refere ao fator de proteção UVA, que é a radiação responsável pelo fotoenvelhecimento e pelas manchas na pele. Eles não me informaram o PPD exato, mas garantem que ele segue à recomendação do valor mínimo de 1/3 do FPS, portanto podem considerar no mínimo 20, o que já é indicado para quem tem melasma, por exemplo.

Onde comprar e preço

Andei pesquisando no mercado e vi o Sunsafe Oil Free FPS60 por 55 até 70 reais. A Darrow também disponibiliza o Sunsafe FPS30 e o Sunsafe com cor. Os produtos são encontrados em farmácias e lojas de cosméticos, tanto físicas quanto online.


 

Já usaram o Sunsafe? Muitas pessoas já falaram muito bem do Actine, da linha de cuidados para pele oleosa, me conte também se já experimentou algum dos protetores solares da Darrow. Estou começando a conhecer a marca agora e gostei bastante!

 

Solar Expertise com cor FPS70 protetor solar da Loreal

Solar Expertise Toque Limpo com cor – resenha com vídeo!

Faz tempo que recebi toda a linha Solar Expertise da Loreal mas acabei deixando passar o Solar Expertise Toque Limpo com cor – o protetor solar com cor para pele oleosa da Loreal. Eu usei a linha para o corpo (Solar Expertise Supreme Protect) e fiquei tão apaixonada que acabei não usando a versão do protetor com cor. Aliás, já comentei algumas vezes que protetor solar com cor não é o meu forte para o dia a dia, né? Eu uso de vez em quando, mais para conhecer os produtos que chegam do que por hábito mesmo. E por causa do blog eu já conheço vários e vi de tudo: cores universais que não se adaptam, protetores muito hidratantes que deixam a cobertura a desejar, aqueles que custam a ser espalhados, e também os que deixam a pele fritando. Este aqui é de uma categoria que parece mais maquiagem (base + pó) do que protetor. Vou começar a mostrar e vocês vão entendendo no caminho..

 

Solar Expertise Toque Limpo com cor – descrição da Loreal

Solar Expertise Com cor Loreal - resenha

Segundo a Loreal, o Solar Expertise Toque Seco com cor tem toque limpo, é anti oleosidade, anti umidade e anti resíduos. Tem textura gel creme, oferece alta proteção devido ao filtro exclusivo patenteado pela Loreal: Meroxyl SX+XL – protege contra raios UVA e UVB. Sua fórmula é Oil Free, portanto indicado para quem tem pele oleosa. Aí eu fui testar e ver como funcionaria no meu rosto (pele oleosa, lembram?).

Solar Expertise Com cor Loreal - resenha

Ele vem em bisnaga de plástico com 50g de capacidade, com tampa Flip Top. O design segue o padrão da linha de protetor solar da Loreal, todas com mesmo padrão de cores e logotipos (vocês já devem ter visto por aí, a Loreal tem ampla distribuição desses produtos em todo o Brasil).

Solar Expertise Toque Limpo com cor – minha experiência

Assistir o vídeo vai ajudar bastante a entender como é o acabamento do protetor, que depende muito da maneira como ele é aplicado. Mas vou deixar tudo registrado aqui também pra quem não é do #teamyoutube rsrs

Solar Expertise Toque Limpo com cor – como espalhar para dar um bom acabamento?

Quando usei pela primeira vez me assustei com a cor do protetor solar ao sair da bisnaga, pois ela é bem escura quando concentrada na mão. Ao começar a ser espalhado esse medo da cor vai embora, pois ele fica do mesmo tom da minha pele, mas aí vem outro medo: será que eu vou conseguir espalhar isso???

Pois é, percebi que ele fica seco rápido e vai deixando rastro à medida que a gente vai espalhando. E não adianta lutar, porque o rastro fica, por mais que você espalhe. Se você tentar deixar a pele uniforme ao espalhar o produto, vai se estressar! kkkkkkkk  Então calma e preste atenção nas dicas que eu vou passar agora.

Solar Expertise Com cor Loreal - resenha

Você já usou uma base e passou um pó por cima para selar? Quando o Solar Expertise com cor seca, ele fica exatamente com esse aspecto (sua cobertura inclusive é alta por causa disso) – você enxerga um pozinho por cima do protetor em creme, que seca na pele. Espere secar e comece a detectar onde estão esses pozinhos, se ele ficou concentrado em alguns pontos (é normal ficar). Aí, trate este protetor solar como se fosse maquiagem: use os dedos para dar batidinhas nesses pontos, ou se preferir (eu prefiro) use um pincel de base, ou uma esponjinha de base. Da mesma forma como você dá o acabamento ao pó sobre a pele, você irá finalizar o acabamento deste protetor. Dá trabalho? Dá. Tem que ter paciência? Tem. Mas este é um protetor solar com cor bem mais parecido com uma base de maquiagem do que você costuma ver por aí. Tem alta cobertura, o acabamento fica sequinho, e a durabilidade é ótima.

Usei em dias quentes, na academia (suei e a cobertura continuou intacta), e foi aprovado em todos os testes de durabilidade. O que eu não gostei muito é que para a minha rotina, para o dia a dia, achei que ele é pesado, uma cobertura muito pesada, nada natural, coisa que eu não gosto pra ficar em casa por exemplo. Mas pra quem gosta de se maquiar pra ir até à padaria vai adorar!

Onde comprar e preço

O Solar Expertise Toque Limpo com cor é fácil de ser encontrado em farmácias, drogarias, lojas de cosméticos, lojas de departamentos, tanto físicas quanto online, em todo o Brasil. Custa em média R$50-60 a embalagem com 50g.


 

Gostaram da resenha? E do vídeo? Me contem o que estão achando deste formato de conteúdo no blog e no canal 😉 E me sigam no Instagram também, pois estou sempre mostrando o que estou testando lá no stories!

@luvilelapaes

 

 

Normalize Matte Intense Ada Tina – resenha

Normalize Matte Intense – protetor solar para pele oleosa

Conheci o Normalize Matte Intense da Ada Tina logo no começo do verão e tenho usado bastante, logo fiquei muito impressionada com o acabamento matte e contei nos stories do Instagram (aliás, me sigam por lá pois estou sempre mostrando as experiências com os produtos em tempo real, vale a pena acompanhar! @luvilelapaes)

Normalize Matte Intense – apresentação

Normalize Matte Intense Ada Tina - resenha

Quem conhece os outros protetores solares da Ada Tina irá reconhecer a embalagem tipo bisnaga com tampa Flip, e vem com 40ml (atenção nisso, o Normalize Matte vem com 50ml). Veja a descrição da Ada Tina para o Normalize Matte Intense:

Normalize Matte Intense FPS 50 é um protetor solar para peles muito oleosas e acneicas, com ação matificante intensiva e resistência ao sebo. Normalize Matte Intense FPS 50 reduz o brilho e controla intensamente a oleosidade, além de reduzir a umidade da pele, garantindo toque extrasseco ao longo do dia. Normalize Matte Intense FPS 50 possui 12 Horas de Proteção Solar cientificamente comprovadas além de manter a pele com oleosidade controlada também com 12 Horas de Eficácia.

Agora que já vimos a apresentação da marca quero deixar as minhas impressões e contar minha experiência com o produto pra gente comparar 😉

Normalize Matte Intense – minha experiência

Ele realmente é indicado para quem tem pele oleosa, pois deixa a pele bem sequinha, por muito tempo. Usei de várias maneiras, em dias diferentes, inclusive dias quentes e úmidos:

-sozinho, pela manhã, para dia de sol e piscina (exposição intensa e contínua por mais de 3 horas). Nesses dias inclusive nadei e não consegui retocar.

-por baixo da maquiagem – ele não interferiu no acabamento da base e não esfarelou.

-apliquei antes de atividade física ao ar livre – ele não escorreu com o suor da corrida.

Em todas as situações ele ofereceu proteção solar intensa, já que não cheguei a ficar vermelha e/ou com a pele irritada por excesso de sol em nenhum momento. Ele também não deixou minha pele muito esbranquiçada – dá pra perceber uma ligeira alteração na cor da pele no “antes e depois” de aplicado mas é algo muito sutil, que não interfere na “selfie”, rsrsrs

Normalize Matte Intense Ada Tina - resenha

Quanto ao controle da oleosidade ele é nota 10. Quem me acompanha sabe que eu sempre fui muito fã do Normalize Matte  e do Normalize Pore, os outros protetores solares para pele oleosa da Ada Tina. Continuo gostando muito dos 2 (principalmente do Pore), que também tem acabamento bem seco, mas não saberia comparar quanto tempo a mais o Normalize Matte Intense deixa a pele seca (já tem um bom tempo que não uso o Pore e o Normalize Matte para fazer essa comparação).

Mas a comparação do Normalize Matte e Normalize Pore eu fiz!

Como o foco deste protetor solar é o acabamento seco prolongado, pois na fórmula tem Sílicas Secativas Intense que resistem ao sebo e a umidade, se a sua pele oleosa é daquela que “pinga óleo” eu iria direto no Normalize Matte Intense! Você já deve ter comprado algum produto (como bolsas, sapatos, etc) que vem com um saquinho, cheio de bolinhas, escrito SILICA GEL – pois é, serve para não deixar o produto mofar enquanto está guardado. Ele retira a umidade do ar. É essa sílica que tem no protetor solar Matte Intense, que irá absorver o sebo e a umidade do rosto, deixando-o sequinho.

12h de proteção solar

Quanto às 12h de proteção solar:  quero fazer um comentário pois em outro produto da Ada Tina, o Biosole AV eu falei sobre isso e recebi alguns comentários e perguntas sobre essa proteção de 12h. Esta informação é da marca, e segundo a Ada Tina é resultado de estudos feitos com o produto. Eu pessoalmente tenho a indicação da minha dermatologista de retocar sempre, seja qual for o protetor solar (eu procuro seguir isso, eu só não retoco quando estou fora de casa e me esqueço de carregar o protetor solar na bolsa).

Fórmula

METHYLENE BIS-BENZOTRIAZOLYL TETRAMETHYLBUTYLPHENOL, BIS-ETHYLHEXYLOXYPHENOL METHOXYPHENYL TRIAZINE, TITANIUM DIOXIDE, HYDRATED SILICA, DIMETHICONE/METHICONE COPOLYMER, ALUMINUM HYDROXIDE, ETHYLHEXYL TRIAZONE, ETHYLHEXYL METHOXYCINNAMATE, BUTYLENE GLYCOL COCOATE, DICAPRYLYL CARBONATE, BISABOLOL, TOCOPHERYL ACETATE, DIETHYLAMINO HYDROXYBENZOYL HEXYL BENZOATE, ACRYLATES/C10-30 ALKYL ACRYLATE CROSSPOLYMER, SODIUM HYDROXIDE, HYDROXYETHYLCELLULOSE, CITRULLUS VULGARIS (WATERMELON) FRUIT EXTRACT, TRIBEHENIN PEG-20 ESTERS, METHYLISOTHIAZOLINONE, PHENOXYETHANOL, PENTAERYTHRITYL TETRA-DI-T-BUTYL HYDROXYHYDROCINNAMATE, DISODIUM EDTA, AQUA, ALUMINUM STARCH OCTENYLSUCCINATE, ETHOXYDIGLYCOL, SILICA, XYLITYLGLUCOSIDE, ANHYDROXYLITOL, XYLITOL.

 Onde comprar e preço

O Normalize Matte Intense é vendido na loja virtual da Ada Tina por R$104,00 a embalagem com 40ml. Também pode ser encontrado em boas farmácias e lojas de cosméticos, físicas e online.


Será que eu falei tudo? Acho que sim! Mas se ficou alguma dúvida, deixe nos comentários. O que eu não souber responder eu passo pro pessoal da Ada Tina 😉 E quem usar me conte, quero saber a experiência de vocês!

 

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...