Photoderm Nude Touch 50+ cor Muito Claro – resenha de protetor solar mineral

Photoderm Nude Touch 50+ cor Muito Claro – resenha de protetor solar mineral

13 de janeiro de 2021 9 Por Luciana Vilela

Photoderm Nude Touch 50+ Protetor Solar Mineral da Bioderma

Comprei o Photoderm Nude Touch 50+ por ser um dos protetores solares mais pedidos no blog. Ele é famoso por ser um protetor solar mineral diferenciado por sua textura levíssima, fluida, e por entregar um acabamento viçoso e bonito na pele. E é mesmo, tudo isso é verdade! Ele fica lindo na pele, forma uma camada fininha…mas tem seus segredinhos de uso e aplicação, e quero mostrar tudo nesta resenha. Tem vídeo também, vale a pena checar os detalhes!

Bioderma Photoderm Nude Touch 50 cor muito claro resenha

Bioderma Photoderm Nude Touch – embalagem nova versão

 



 

 

Esta é a nova embalagem do Photoderm Nude Touch, que substituiu a outra aquela que era cilíndrica e comprida. Uma pena que não usei a versão antiga para comparar, mas li no perfil da Bioderma Brasil que a versão nova está mais leve e dá um acabamento mais natural. Esta nova embalagem é de plástico transparente com tampa de rosca em plástico, tem capacidade para 40ml.

O que a Bioderma diz:

Photoderm Nude Touch 50+ é um protetor solar 100% mineral com cobertura natural para pele mista, oleosa e acneica. Benefícios:

  • Oferece um UVA / UVB 100% mineral muito alta
  • Fornece controlo da oleosidade durante 8H graças aos seus pós matificantes
  • Uniformiza e aumenta o brilho da pele com efeito de pele nua
  • Reduz imperfeições dia após dia

Textura extra leve, aplicação sedosa, acabamento em pó em perfeita fusão com a pele – Muito boa tolerância – Não comedogênico – Muito resistente à água – Disponível em 3 tons: Muito Claro, Claro e Dourado

Bioderma Photoderm Nude Touch 50 cor muito claro resenha

 



Photoderm Nude Touch 50+ Composição e Características

Como vimos na descrição, é um protetor solar mineral, ou seja, todos os UV na composição são “físicos” ou inorgânicos.

  • o FPS real do Photoderm Nude Touch é 62. Como é um produto de fabricação francesa, o nome FPS50+ segue a legislação europeia em que não se pode colocar o FPS superior a 50, pois eles não consideram o FPS superior a 50 como um fator determinante para compra de um produto. Falei sobre isso no post: “qual o melhor protetor solar, FPS30, 50 ou 100?”
  • PPD ou FPUVA – 25
  • Filtros UV inorgânicos – Dióxido de Titânio (nano) e óxido de zinco. O Dióxido de Titânio em nanopartículas possibilita esta textura levíssima do produto final
  • óleo de karité – umectante e emoliente
  • sílica e ácido salicílico – controle de oleosidade
  • Silicones formadores de filme especiais para texturas finas e de toque aveludado
  • antioxidantes Propyl Gallate e Vitamina E
  • Ectoin – anti irritante, anti inflamatório
  • Mannitol, Xylitol – ação prebiótica

Bioderma Photoderm Nude Touch 50 cor muito claro resenha

 




A Bioderma menciona 2 tecnologias patenteadas: a Fluidactiv e Bioproteção (que ativa mecanismos de defesa das células). Essas tecnologias costumam ser um ou mais ingredientes associados com o objetivo de cumprir uma função específica dentro do produto. Nem sempre a empresa divulga quais ingredientes são esses, mas a Bioderma sempre faz composições muito ricas e que agregam benefícios para a pele – seja pela ação antioxidante, ou de melhorar a função barreira da pele (fortalecendo a microbiota) ou pela boa ação hidratante e condicionante, que podem melhorar a textura e o viço.

Patente Fluidactiv: Alterações na fluidez do sebo podem ser responsáveis ​​por manchas na pele. Este complexo patenteado luta contra o espessamento do sebo, com o objectivo de impedir que os poros fiquem entupidos e minimizar o risco de manchas. Esta patente NAOS Research foi projetada em Aix-en-Provence e desenvolvida nos nossos laboratórios.*

*informação retirada do site da Bioderma

Como usar o Photoderm Nude Touch 50+

Eu fiz vários testes com este protetor solar e percebi que ele tem alguns segredinhos. Isso porque o modo de uso influencia demais no acabamento final, melhorando ou piorando a experiência de uso do produto. Por isso, vou deixar aqui vários tipos de experiência para que vocês entendam as diferenças e escolham o melhor uso de acordo com o seu gosto:

Antes de usar, é preciso agitar o produto por cerca de 10 segundos (ou o tempo necessário para que você perceba que o protetor está uniforme na embalagem (ele é bifásico e quando fica em repouso as fases se separam.

A embalagem tem um bico aplicador bem fininho que faz o papel de conta-gotas. Nos primeiros usos, é comum que este bico deixe vazar produto. Por isso, nas primeiras vezes em que você for usar, abra com cuidado e longe das roupas (ele mancha muito, tem alta capacidade de pigmentação).

  • A Bioderma não indica a quantidade de gotas a serem aplicadas na embalagem, mas tive a informação de que, nas redes sociais, ela chegou a divulgar a quantidade mínima de 8 gotas (para se chegar ao FPS de aproximadamente 30) até 16 gotas (para ter o FPS total do produto, ou seja, 62).
  • Em média, os líquidos tem uma relação de 20 gotas = 1ml, que é a quantidade próxima do ideal para proteção solar do rosto (sem contar orelhas e pescoço).

VEJA O POST: quantidade adequada de protetor solar no rosto

  • Quando eu usei pela primeira vez, como eu não tinha referência de quantidade, exagerei um pouco pois passei uma quantidade parecida com as dos protetores em creme. E é um exagero mesmo! O acabamento fica prejudicado, o protetor levou 2 horas para secar e mesmo assim ficou siliconado e desconfortável.
  • Quando usei 8 gotas mal consegui cobrir meu rosto, então essa quantidade eu descarto totalmente. Acrescentei 4 gotas -12 gotas no total – e não senti segurança naquele filme finíssimo.
  • Quando usei 16 gotas, consegui cobrir com uma camada muito fina. Embora a marca garanta a proteção com 16 gotas, eu tenho a sensação de que meu rosto está coberto com um filme tão fino e transparente que não teria coragem de ficar exposta assim, principalmente na minha fase de tratamento de melasma!
  • Outra característica importante que eu quero destacar: alta resistência à água! No vídeo eu faço o teste da água e ele fica lá, intacto. Nos meus dias de uso cheguei a colocar o rosto no chuveiro, e saí com o protetor no rosto, ele não derreteu. Nota mil nesse quesito.
  • A melhor solução que eu encontrei foi passar uma camada de protetor solar sem cor e completar com uma fina camada do Photoderm Nude Touch – 16 gotas. O resultado fica lindo, a cor Muito Clara fica perfeita em mim:

Bioderma Photoderm Nude Touch 50 cor muito claro resenha

 




Este resultado visual eu consigo tanto com ele direto na minha pele como por cima de um protetor sem cor. Só que direto na pele ele escurece um pouco após algum tempo, e por cima do protetor sem cor ele se mantém nessa cor.

O acabamento fica sequinho e natural, a pele fica bonita e viçosa, usando as 16 gotas eu amei este protetor. Com a camada de protetor sem cor por baixo eu me sinto protegida da radiação UV e o acabamento fica lindo, pronto! Eu aplico 6 gotas de cada lado da face e 4 gotas na testa.

Para quem comprar este produto, eu sugiro que faça os testes usando sozinho com 12 gotas ou mais (até 20 ou 22 gotas) e também por cima de uma camada de protetor sem cor para ver o que prefere.

Photoderm Nude Touch 50 + onde comprar e preço

Photoderm Nude Touch 50+ custa R$104,90 a embalagem com 40ml. Ultimamente tenho visto bastante promoção dos produtos da Bioderma, eu comprei este por R$68.

Para comprar com desconto na Época Cosméticos clique aqui (link de parceria)

Para comprar na Dermadoctor, use o cupom LUVILELAPAES10

 

Bioderma no blog

Cicabio Creme – resenha

Bioderma Atoderm SOS Spray – spray para alívio de coceiras e incômodos na pele

Hydrabio Sérum hidratante para pele oleosa e sensível

Bioderma Sébium Gel Moussant – sabonete para pele oleosa

Bioderma Sébium Pore Refiner resenha