Serozinc resenha – Pele oleosa, acneica, rosácea

Serozinc é um produto multiuso, veja a resenha e aproveite muito mais este tratamento

Serozinc foi o lançamento da La Roche Posay que mais mexeu com a internet este ano, não acham? Eu descobri por acaso na farmácia, mostrei no Stories do Instagram, fiquei super curiosa, cheguei em casa e fui direto pesquisar um pouco mais sobre o produto, aí tinha visto que a La Roche ainda estava pra lançar, ou seja, achei antes de começarem as divulgações por isso não conhecia ainda. Achei SUPER interessante! Comecei a usar e adorei o efeito, agora vou poder contar várias coisas que descobri, então me acompanhe até o final porque tem muita coisa boa que você tem que saber para aproveitar o Serozinc ao máximo, quer ver?

Serozinc resenha

Serozinc – resenha em vídeo

Serozinc – fórmula

A fórmula do Serozinc é bem minimalista:

  • Água purificada

  • Sulfato de ZINCO (0,10%)

  • Cloreto de sódio (0,75%)

Sim, ele é meio salgadinho, igual suor. Então, feche os olhos na hora de aplicar, ok?

Uma dúvida que as pessoas estão tendo é se o Serozinc é feito com água termal ou não. Não vi nenhuma menção a água termal nos releases e nos materiais publicitários, e na própria fórmula do Serozinc não consta água termal, como nos outros produtos da La Roche onde esse tipo de água é usada (geralmente eles colocam Thermal Water), por isso eu deduzi que nesse produto especificamente não foi usada água termal como é normal nos produtos de tratamento de pele da La Roche Posay.

Que horas devo usar o Serozinc?

Você pode usar em 2 momentos diferentes, dependendo do seu objetivo:

1ª opção – como parte do tratamento para peles com acne ativa

Use na rotina diária, depois do gel de limpeza, no lugar do tônico adstringente.

2ª opção – para matificar a pele oleosa

Use a qualquer hora do dia, quando sentir que a pele está brilhosa, para matificar a pele. Pode aplicar por cima da maquiagem!

Serozinc é só para usar no lugar do lencinho antioleosidade?

É isso o que eu mais quero mostrar neste post: o Serozinc é pra isso sim, e muito mais!

Qual a diferença entre usar o lencinho e usar o Serozinc?

O lencinho tira a oleosidade e o brilho ali na hora, e só. A diferença é que o Serozinc é um tratamento de pele, ou seja, o uso contínuo vai trazendo benefícios a longo prazo que melhora a qualidade da pele em vários aspectos, e tudo isso ficando totalmente invisível na pele pois essa “água” é absorvida rapidamente e não deixa nenhum resquício, assim como a água termal.

O Sulfato de Zinco, que é o ingrediente principal da fórmula, traz vários benefícios que eu vou contar pra vocês – aliás, pode dar uma olhada nos seus produtos de tratamento para pele oleosa e/ou acneica que você irá encontrar o zinco em vários deles, pois é um ativo consagrado na dermatologia para cuidados com pele oleosa.

O zinco é:

  • antimicrobiano – mata as bactérias que causam acne

  • anti-inflamatório – age sobre as espinhas, secando-as e melhorando o aspecto da pele

  • seborregulador – controla a produção de óleo da pele

  • purificante – purifica e desentope os poros

  • antioxidante – auxilia no rejuvescimento

  • cicatrizante – promove a síntese de colágeno e acelera a cicatrização de feridas

  • uniformizador da pele – diminui o tamanho dos poros

Outras utilidades do Serozinc

Depois de conhecer as propriedades, agora vocês irão entender melhor que o Serozinc não é só mais uma frescurinha para matificar a pele, na verdade ele é um produto multifuncional! Então, além de matificar a pele oleosa e tratar a pele acneica, ele também pode ser usado para:

Serozinc - resenha - como usar

  • aliviar a vermelhidão e irritação da pele com rosácea;
  • na troca de fralda, para aliviar a assadura do bebê;
  • no pós barba, para ajudar a cicatrização após um corte com lâmina;
  • no pós-depilação, para acalmar a pele

Usando o Serozinc – minha experiência

Sim, estou usando e sentindo o efeito matificante, diariamente! É só borrifar a qualquer hora do dia, deixar secar e esperar pra ver que ele parece formar uma camada que “suga” a oleosidade, e aquele aspecto “sujo” do excesso de oleosidade some. Com os cuidados que eu já tomo para minha pele oleosa (gel de limpeza adequado 2x ao dia, e água micelar para refinar a limpeza e tonificar a pele) vai ser muito mais fácil controlar a pele no verão que está chegando, que é realmente a minha pior fase do ano aqui no Rio (eu e a torcida do Flamengo, como dizem por aqui!kkkk). Como sempre eu vou usando, mostrando o que tem feito bem para minha pele aqui no blog e também no Stories do instagram (@luvilelapaes, me segue lá!). Se mais pra frente acontecerem coisas totalmente fora do esperado eu atualizo aqui mas por enquanto é só sucesso. Se você tem pele oleosa e sofre com o brilho excessivo, converse com seu dermatologista sobre o Serozinc e como ele deve ser inserido na sua rotina de cuidados. Se usar me conte!

E você, já tem visto o Serozinc por aí? Já usou? Me conte nos comentários!

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...