28 cremes com ácido hialurônico para comprar

Escolha seu creme com ácido hialurônico para comprar – lista com preços

Minha pesquisa sobre cremes com ácido hialurônico com preços veio parar no blog, como já é tradição por aqui há anos. Sempre que estou querendo comprar algum tratamento de pele eu pesquiso bastante sobre o produto, a marca, os componentes da fórmula, as resenhas, os preços – isso é muito importante! – e começo a decidir qual comprar. Acho que isso é uma forma de economizar, pois eu prefiro até comprar um creme um pouco mais caro mas que seja bom pra minha pele a comprar um creme barato que não faz nada por mim.

Por entender que isso é útil pra mim, pode ser útil pra vocês também. Hoje vou deixar aqui o resultado da minha última pesquisa sobre cremes com ácido hialurônico que estão no mercado brasileiro.

Antes de ler a lista, prestem atenção em alguns pontos:

  • procurei cremes de todas as marcas, tem marca de farmácia, marca de dermocosméticos e marca de luxo;
  • algumas marcas tem mais de um creme, procurei pegar os mais relevantes em ácido hialurônico;
  • alguns cremes tem ácido hialurônico com vitamina C, como é o caso da Vitamina C da Art Vitta, mas como ele já está no post com cremes com vitamina C eu não coloquei de novo aqui.
  • os cremes com ácido hialurônico que eu já usei serão sinalizados e vocês podem ver mais detalhes clicando no link da resenha
  • preços pesquisados na internet em maio/2018 – serão atualizados quando tiver a alteração for relevante
  • quem tiver mais sugestões de produtos deixem nos comentários, eu posso atualizar o post depois com as sugestões de vocês

Por melhores que os cremes com ácido hialurônico possam ser, eles tem limites para os cuidados antirrugas… infelizmente, eles agem até certo ponto, e depois só mesmo as opções injetáveis. Eu, que tenho pânico de agulha no rosto, ainda não quero encarar essa opção e vou levando a vida nadando nos cremes antirrugas! Então aproveite minhas dicas e leia tudo sobre os cremes com ácido hialurônico aqui no blog 😉

Boa sorte pra nós!

Quem precisa de ácido hialurônico?

O Ácido Hialurônico é uma substância naturalmente produzida pelo nosso corpo e é responsável pelo preenchimento entre as células. Depois que o nosso corpo começa a diminuir sua produção, a pele começa a dar sinais externos de falta de preenchimento – começam a aparecer as linhas de expressão, e posteriormente as rugas. A hidratação profunda promovida pelo ácido regenera a condição da pele e melhora seu aspecto, mas os cremes agem até certo ponto. Depois de um tempo pode ser que você perceba que algumas rugas formam vincos mais profundos, e estes só desaparecem com ácido hialurônico injetável, no consultório do dermatologista. Você pode começar os cuidados com ácido hialurônico a partir dos 25 anos, com cremes mais leves, e a partir dos 35-40 anos já pode procurar fórmulas mais concentradas ou associadas a retinol e vitamina C para melhores resultados.

28 cremes com Ácido Hialurônico

28 cremes com ácido hialurônico para comprar - preço e descrição

 

1- Adcos Dense Filler 3D

Eu já usei o Adcos Dense Filler 3D e tem resenha aqui no blog. Ele vem em cápsulas que devem ser abertas na hora do uso, o que facilita dosar a quantidade de usar. Alisa a pele, tirando linhas de expressão e ainda tem o efeito de deixar a pele aveludada graças a um efeito de filme semelhante ao primer. Vem com 60 cápsulas (2 meses de tratamento se usar 1x ao dia) e custa R$240,00 nas lojas da Adcos.

2- Árago Sculptface Iontoserum 3D Ácido Hialurônico

Segundo a Árago, tem tripla ação que modela o contorno facial com ação drenante e descongestionante. Sua formulação com Antiox 3D possui ação antioxidante, protetora do DNA celular e efeito anti-glicação. A combinação do Ácido Hialurônico proporciona efeito antiage por meio do silício orgânico e da Niacinamida, que atuam na melhora da firmeza da pele. Custa R$154,00 na loja online da marca.

3- Avon Renew Clinical Hydra

Tratamento noturno de hidratação profunda da Avon, este gel não tem parabenos, nem óleo ou fragrância, tem ácido Hyaluronic 3x, desenvolvido para hidratar profundamente e restaurar a pele, reduzindo a aparência de linhas finas e rugas. Custa R$99,00 com as revendedoras Avon mas sempre tem promoção na revista.

4- Anna Pegova Akinesine Happyskin

Complexo firmador anti-idade com ação antirruga, firmadora, protetora do DNA e iluminadora. Tem ácido hialurônico puro que confere ação preenchedora. Preço: R$408,00 nas lojas Anna Pegova.

5 – Bel Col Hialuderme

A biotecnologia da Bel Col desenvolveu um ácido hialurônico puro, com alto potencial de fixação na pele. O uso constante previne o envelhecimento e minimiza os efeitos da desidratação, como o aparecimento de rugas. O preço médio é R$145,00 na loja online da Bel Col e nas lojas de cosméticos.

6 – Avene Serenage Serum

Avene Serenage tem Glicoleol e Fragmentos de Ácido Hialurônico (H.A.F.) que desenvolvem a firmeza e densidade da pele, e nutrem a pele. Ainda tem ação calmante devido a presença da Água Termal Avene em sua composição. Custa em média R$220,00 em farmácias e lojas de cosméticos.

28 cremes com ácido hialurônico para comprar - preço e descrição

7- Eucerin Hyaluron Filler Concentrate

Eucerin Hyaluron Filler eu usei e ainda uso, é um dos meus H.A. preferidos! Ele vem em 6 ampolas com 5ml cada, então você abre as embalagens conforme for usando, o que ajuda na conservação do produto. Este sérum bastante concentrado é o produto estrela da linha Hyaluron Filler, que ainda tem 1 creme para o dia, outro para a noite e o Hyaluron Filler Olhos. O preço médio é de R$160-170 mas é muito comum encontrar promoções em farmácias e lojas de cosméticos. De vez em quando o Privalia faz promoções da Eucerin e pode sair pela metade desse valor.

8- Dermage Hyaluage

A Dermage colocou nesse serum 5 tipos de ácido hialurônicos diferentes: reticulado, não reticulado, o de liberação prolongada, o nano ácido hialurônico e o booster de ácido hialurônico. Cada um com uma ação diferente mas que em conjunto aumentam a síntese de colágeno, dão firmeza, tem ação preenchedora, aumentam o volume da pele e inibem a degradação do hialurônico natural da pele. Preço: R$205, 80 no site da Dermage, mas a marca é vendida em farmácias que fazem mais promoções dos produtos da marca.

9- Clarins Hydraquench Cream Gel

Fórmula não oleosa que proporciona frescor e hidratação. Tem Extrato Hidratante de Katafray Bark e Ácido Hialurônico para hidratação profunda e prolongada, e Extrato de Erva de Salgueiro Alpino e Romã que dão frescor e conferem efeito mate. O preço médio é R$250,00 em lojas de cosméticos como a Sephora.

10- Kiehl’s Super Multi-Corrective Cream

Combate a flacidez, firma e redefine os contornos do rosto. Tem ácido hialurônico, extrato de faia e ácido jasmônico, com textura gel-creme melhor para quem tem pele normal/seca. Preço R$396,00 nas lojas da Kiehl’s.

11- Caudalie Creme Cashemere Resveratrol Lift

Usei o Caudalie Creme Cashmere e em breve terá resenha no blog! Tem textura gel-creme que deixa a pele super macia, com resveratrol + micro ácido hialurônico com ação de firmeza e antirrugas, óleo de semente de uvas para nutrir a pele, e ácido hialurônico para preenchimento e hidratação. Custa R$389,00 na loja online brasileira da Caudalie ou na Sephora.

12 – Bioage Bio Intensive Care

Serum hidratante com ácido hialurônico que age por 24h. Restaura a umidade da pele e é indicado inclusive para pós-peeling, pois auxilia na renovação celular.  Preço médio R$120,00 na loja online da Bioage ou em lojas de cosméticos.

28 cremes com ácido hialurônico para comprar - preço e descrição

13 – La Roche Posay Hyalu B5 Serum

Estou usando atualmente o Hyalu B5 Serum, que tem uma textura mais viscosa. Sua fórmula tem 2 tipos de ácido hialurônicos puros, vitamina B5 e madecassoside, para ajudar no preenchimento, na reparação da barreira cutânea e na ativação da renovação celular. Preço médio de R$160,00 o frasco com 30ml.

14- Natura Chronos Elixir Redutor de Rugas

Usei um frasco todo, fiz resenha no blog (clique no título) e um vídeo no canal contando que achei o produto mais fraco e muita gente quase me linchou virtualmente, rsrs. Eu usei esse produto aos 40 anos e considero que ele seja um serum para quem está começando os cuidados anti envelhecimento. Tem uma boa textura, leve e espalha fácil, com concentrado de jambu e ácido hialurônico (leia a resenha!). Preço: R$120,00 com 15ml nas lojas da Natura ou com as revendedoras.

15- La Roche Posay Redermic Hyalu C

Fórmula antienvelhecimento completa que estimula a produção de colágeno, ajudando a reduzir as rugas profundas e com efeito densificador. Tem ácido hialurônico fragmentado, vitamina C, manose e água termal de La Roche Posay. Preço médio em farmácias e lojas de cosméticos R$180-220.

16- Neutrogena Hydro Boost

Experimentei este gel da Neutrogena e fiquei muito impressionada com a textura de gel bem refrescante e que fica sequinha na pele, ótimo para pele oleosa. Restaura a hidratação da pele pois tem ácido hialurônico, glicerina e extrato de oliva, que agem não só para hidratar como estimular o processo de renovação da pele. Preço médio de R$100 em farmácias e lojas de cosméticos.

17- Mantecorp Reviline

Combinação de Retinol, Ácido Hialurônico + Silício e Linefill MS, ativos altamente rejuvenescedores que produzem efeito lift, melhoram a elasticidade da pele, que fica mais lisa e macia, sem rugas e flacidez. Textura de sérum. Preço médio R$180,00 em farmácias e lojas de cosméticos.

18 – Loreal Revitalift Laser X3

Rejuvenescedor da Loreal para todos os tipos de pele que promete benefícios visíveis em 4 semanas de uso. Tem Ácido Hialuronico fragmentado para corrigir as rugas em profundidade e Pro-xylane 3% altamente concentrado para redensificar a pele. Preço médio R$50,00 em lojas de cosméticos, farmácias e lojas de departamento.

28 cremes com ácido hialurônico para comprar - preço e descrição

19- Nivea Cellular Antissinais

Este é o serum da linha Nivea Cellular Antissinais que ainda tem um creme para o dia e um creme para a noite. Possui Ácido Hialurônico (ação preenchedora de rugas), Extrato de Magnólia ( ajuda a prolongar o poder de renovação das células) e Creatina (desacelera o processo de envelhecimento da pele). Vem com 40ml e o preço médio é de R$90,00 em farmácias e lojas de cosméticos.

20- Profuse Densifiant

Fórmula da Profuse com 10% Ácido Hialurônico + Silício Orgânico (AH+Si em sua maior concentração), peptídeos e Extrato de Endro (Estimula a produção de elastina, capaz de devolver a elasticidade da pele). Combate os sinais avançados do envelhecimento. Preço médio R$160-180 em farmácias e lojas de cosméticos.

21- Roc Pro-Correct

Roc Pro-Correct tem uma combinação de Retinol e Ácido Hialurônico. Possui duplo mecanismo de ação para reverter rugas profundas, por meio do estímulo a renovação celular e a produção de colágeno e elastina. Promete resultados com 8 semanas de uso. Preço médio R$180 a 200 em lojas de cosméticos e farmácias.

22- Nuxe Merveillance

Nuxe Merveillance promete efeito lifting imediato graças ao ácido hialurônico natural presente na fórmula. Preenche rugas de expressão e atua sobre as três principais proteínas da pele: vimentina, colágeno e elastina. É indicado para todos os tipos de pele a partir dos 40 anos. Preço médio R$210,00 com 50ml.

23- Sixi Premium Hialurônico 100% Puro de Alta Potência

A marca Sixi eu conheci pela indicação dos inscritos no canal do Youtube por causa da boa fama da Vitamina C. Como eles tem um ácido hialurônico puro em serum e por um bom preço resolvi colocar aqui. É uma marca brasileira, do RS, que vende pelo Mercado Livre e nas lojas Americanas online. É vendido no kit junto com a vitamina C por R$67,00 no ML e R$129 nas Americanas. Não conheço mas deixo a dica, quem usar me conte!

28 cremes com ácido hialurônico para comprar - preço e descrição

24- SVR Densitium Bi-Serum

Ácido Hialurônico ultra-fragmentado e Bio-Cálcio. São 2 fórmulas com 15ml cada para combater as 3 principais preocupações da pele madura: flacidez da pele, rugas e secura extrema.

25- SkinCeuticals H.A. Intensifier

Sérum corretor anti-idade com um exclusivo complexo volumizador que aumenta os níveis de ácido hialurônico na pele em 30%, redefinindo volume e densidade, recuperando a firmeza e preenchendo rugas. Tem 10% PRO-XYLANE, 1.3% Ácido hialurônico, Glicirrizato de Dipotássio, Extrato de arroz roxo. Preço R$400,00 o frasco com 30ml.

26- SkinCeuticals Hydrating B5

A combinação do Ácido Hialurônico e da vitamina B5 permite a hidratação e reestruturação da saúde da pele: sempre macia e hidratada. Fórmula Oil Free, preço médio R$200 o frasco com 30ml.

27 – Vichy Mineral 89

Usei e resenhei no blog e no canal (clique no título). Gel com ácido hialurônico e água termal de Vichy, sendo esta última com concentração de 89% da fórmula, o que suaviza e acalma bastante a pele, Não achei que tem efeito preenchedor, mas como hidratação diária e potencializador de outros tratamentos é maravilhoso. A textura em gel é refrescante e some na pele, é absorvido rapidamente. Preço R$150,00 com 50ml nas farmácias e lojas de cosméticos.

28- Vichy Liftactiv Serum 10 Supreme

Considero um dos melhores seruns com ácido hialurônico que eu já usei, pois percebi melhora na pele em poucos dias de uso, a pele fica mais hidratada, lisa e macia. Tem Rhamnose a 10% e ácido hialurônico fragmentado, indicado para ser usado aos 40 anos. Preço médio R$180,00 com 30ml.


 

Espero que tenham gostado e que esta lista possa ser útil nas pesquisas de vocês para futuras compras de cremes antirrugas. Lembrando sempre: consulte seu dermatologista para saber quais os produtos mais indicados para o seu tratamento de pele!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Água termal Avene – resenha e composição

Água termal Avene é ótima para minha pele sensível

A Água Termal Avene, ou Eau Thermale Avene, foi a segunda água termal que eu usei na vida, há pouco mais de 10 anos. Na época que comecei a usar eu ainda não era tão íntima dos dermocosméticos e ainda não sabia de todos os benefícios da água termal – para mim, eu estava apenas hidratando o a pele do rosto, e pra mim já estava bom.

Hoje, depois de todo esse tempo como usuária da Água Termal da Avene (e outras também) e de blog, vou fazer a minha resenha desse meu hidratante diário. Mal acreditei quando parei e percebi que ainda não tinha feito isso!

VALE LEMBRAR: as características e usos principais de uma água termal são as mesmas para todas elas. Mas elas são diferentes de acordo com a sua composição mineral, que variam conforme a fonte. Eu vou descrever as características da água termal da Avene, e suas funções de acordo com a sua composição mineral.

Agua Termal Avene resenha e composição

Origem da Água Termal Avene

A Água de Avene é uma água termal natural que vem do subsolo e tem uma composição mineral equilibrada. Depois de muitos anos os pesquisadores conseguiram identificar que essa água tem 2 tipos de “herança” ao sair da fonte:

  • uma herança mineral: uma composição mineral única e original, levemente mineralizada (conhecida como “água macia”) vinda de uma camada geológica que consiste em dolomita e calcário dolomítico
  • uma herança biológica: os pesquisadores identificaram e caracterizaram um tipo de microflora presente na nascente da água termal, que eles chamaram de aqua.dolomiae. Esta microflora produz as substâncias ativas que contribuem em parte para a eficácia da água termal de Avene e explica em parte suas propriedades calmantes e anti irritantes.

 

Composição da Água Termal Avene

Esta água termal é classificada no grupo de águas fracamente mineralizadas com perfil de bicarbonato, cálcio e magnésio – essa característica mostra como ela é uma água suave para a pele.

Presença significativa de silicatos, pobreza em sódio, relação cálcio / magnésio igual a 2 (expressa em mg / l de minerais) e uma grande diversidade de oligoelementos (ferro, cobre, zinco, fluor, prata).

Resíduo seco a 180 ° C: 266 mg

Rico em silicatos de SiO2: 10,6mg / l

Temperatura 25.6º

pH – 7,5

Agua Termal Avene resenha e composição pra que serve e como usar para pele sensível

Água Termal da Avene deixa a pele macia?

Mais de 150 estudos e publicações mostraram que esta água termal fortalece as membranas celulares, retarda as células da hipersensibilidade fortalecem as células-chave da imunidade da pele, as células de defesa. Resumindo, a aplicação da água termal Avene na pele ajuda a regular e fortalecer a  microflora da barreira da pele.

Quem tem pele sensível demais na verdade tem um desequilíbrio na barreira hidrolipídica da pele (aquela camada natural de proteção que eu falo sempre) , e essa barreira não é forte o suficiente para proteger a pele contra as agressões. É o caso da dermatite atópica, por exemplo, que sempre falo no blog por causa da experiência com a minha filha.

As indicações terapêuticas da Água Termal de Avene são em geral para tratamento da pele sensível, como nas seguintes situações:

  • Dermatite atópica
  • Eczema de contato
  • Eczema infeccioso
  • Eczema relacionado a distúrbios circulatórios venosos dos membros inferiores
  • Psoríase
  • Queimaduras e cicatrizes
  • Assadura do bebê
  • Pós depilação e pós barba
  • Rosácea

Como eu uso a Água Termal da Avene?

Desde que comecei a usar água termal lá em 2007 eu não vario muito minha forma de usar. Durante este tempo eu já descobri várias formas de uso diferentes, inclusive no cabelo, mas meu foco sempre foi a pele do rosto. Em algumas situações, como queimaduras solares, ou alguma irritação ou coceira na pele, já usei água termal para aliviar.

Pode agitar a água termal antes de usar? Não!!

A embalagem é totalmente estéril e foi desenvolvida com a pressão exata para uma bruma perfeita. Ao agitar você modifica a pressão interna da embalagem e altera a funcionabilidade do produto, além de poder danificar a válvula.

  • Na rotina de cuidados: quando lavo o rosto com algum produto de pele mais abrasivo e ele deixa a minha pele ardendo, com aquela sensação que está repuxando, antes de continuar eu borrifo água termal e deixo ela agir até eu sentir que a sensação passou. Aí eu continuo a passar os outros cremes da rotina.
  • Se eu estiver usando algum creme de tratamento mais forte, desses que retexturizam a pele fazendo uma esfoliação química por exemplo, eu passo água termal por cima.
  • Durante o tempo de calor, gosto de usar água termal a qualquer hora do dia para manter a hidratação da pele.

“Ah, mas usar água da torneira ou água mineral é a mesma coisa!” – Não é. Dá uma olhada nos posts que eu já fiz sobre isso e você vai entender como é diferente usar água termal:

Soro Fisiológico para a pele é igual água termal?

Qual o pH da pele?

  • Já usei água termal depois da depilação também, para acalmar a vermelhidão. Ultimamente descobri que o Serozinc da La Roche tem um efeito maravilhoso para isso também.
  • Passo água termal na Isabela principalmente em épocas de crise da Dermatite Atópica. Nas crises ela não suporta nenhum tipo de hidratante em creme, então só posso usar a água termal, que alivia e hidrata ao mesmo tempo.

Todos os produtos da Avene levam essa água termal em sua composição, e aproveitando os seus benefícios a Avene se especializou em fazer produtos focados em pele sensível. Não é a toa que minha pele tem boa compatibilidade com os produtos da marca, que é uma das minhas preferidas, e tem o melhor produto de limpeza de pele oleosa na minha opinião.

Onde comprar e preço

Água termal da Avene é vendida em farmácias e lojas de cosméticos, e tem 3 tamanhos:

50ml – R$30-35

150ml – R$50 a 60

300ml – R$60 a 80

Mais resenhas de produtos da Avene no blog

Água Micelar Avene

Avene Cleanance Solar

Cold Cream


 

Bioderma Sebium Pore Refiner resenha

Bioderma Sebium Pore Refiner é um tratamento ou primer?

Você já conhece o Bioderma Sebium Pore Refiner? Pode ser que já tenha visto por aí, ou lido resenhas pela internet, mas mesmo assim continue lendo este post para entender melhor o produto – para que serve, como usar, o que esperar dele. Ele é um produto muito bom, indicado para quem tem pele oleosa e mista, que são as que mais sofrem com os poros dilatados, uma característica bem marcante de quem tem este tipo de pele. Espero que a resenha ajude a entender a proposta do produto e decidir se vale a pena comprar ou não!

Bioderma Sebium Pore Refiner – pra que serve?

Antes de tudo já vou esclarecendo a dúvida principal em relação a ele: ele é um creme de tratamento de pele, e não uma maquiagem. Ou seja, com o uso contínuo deste serum você percebe uma melhora na aparência dos poros dilatados – e vou explicar como isso acontece daqui a pouco.

Bioderma Sebium Pore Refiner resenha com antes e depois

Acontece que ele também tem um efeito imediato de disfarce do poros, que é um efeito óptico – ou seja, visualmente, há um tipo de “embaçamento”, o tal efeito que ficou conhecido como Blur por ser um efeito parecido com o da ferramenta do Photoshop (do BB Blur da La Roche Posay, por exemplo).

Por isso ele acabou sendo conhecido como um primer de maquiagem, mas na verdade ele faz mais que isso. Lembrando:

  • Pode ser usado como primer? Sim. Mas se você usar esporadicamente, não espere a melhora da aparência dos poros dilatados.
  • Para ser usado como tratamento ele precisa ter um uso sistemático e disciplinado, de pelo menos 1x ao dia.

     

Bioderma Sebium Pore Refiner resenha com antes e depois

Como o Bioderma Sébium Pore Refiner funciona?

Este serum corretor de poros tem em sua composição, entre outras coisas:

  • Ácido agárico, que reduz o tamanho dos poros
  • Ácido salicílico, que refina e retexturiza a pele
  • METHYL METHACRYLATE CROSSPOLYMER que forma um filme sobre a pele e absorve o excesso de sebo
  • silicones como o CYCLOHEXASILOXANE, que fazem uma ação de barreira contra a perda hídrica, o que melhora  a hidratação da pele. Confere o toque seco e tem ação uniformizadora na pele.
  • Óleo Mineral – tem poder de retenção hídrica e proteção.

Muitas pessoas tem restrição ao uso do Óleo Mineral em cosméticos por isso achei importante deixar clara a presença desse componente e dos silicones na fórmula do produto. Eu não vou tentar convencer ninguém, cada um com seus princípios. O fato é que até hoje só há estudos científicos que comprovam a segurança e eficácia do uso do Óleo Mineral em cosméticos, e nenhum estudo científico que indique que ele faça mal à saúde. Por favor, se alguém quiser deixar o link de algum estudo novo que desminta isso aqui nos comentários, fique à vontade. Mas se quiser atacar a minha postura por ainda usar produtos que tenham óleo mineral em minha pele (sem obrigar ninguém a seguir meu exemplo) com argumentos como: ouvi dizer, li num blog, ou pior, com agressões, etc, não perca seu tempo (comentários desrespeitoso e agressivo eu apago mesmo, mas críticas educadas eu respondo com toda educação e respeito). Resumindo: eu não deixo de usar este produto e outros ótimos cremes de tratamento pela presença do óleo mineral.

Ele não é comedogênico, é hipoalergênico e não tem parabenos.

Minha experiência com o Bioderma Sébium Pore Refiner

Quem me acompanha sabe que a minha pele oleosa tem os poros abertos e eu estou sempre procurando ter um retexturizador em minha rotina de cuidados para fazer uma esfoliação química e manter esses poros sob controle. Depois de um tempo usando o Effaclar Anti Age da La Roche  eu comecei a usar o Sébium para manter esse tratamento, e gostei bastante.

Na rotina de cuidados, ele estava sendo usado após o Caudalie Vinoperfect Serum e antes do hidratante (ele não impede a absorção dos outros produtos de tratamento que vem depois dele). De vez em quando eu também uso como primer porque ele é perfeito para essa função: a pele fica sedosa e aveludada, e a base fica perfeita por cima. Não esfarela, segura a oleosidade, faz o papel de um primer perfeito mesmo, um dos melhores que eu já usei.

Aliás, o maior diferencial do Bioderma Sébium Pore Refiner é a experiência sensorial mesmo, pois para refinar a pele eu já usei produtos mais potentes e que fazem um trabalho mais rápido, mostram resultados em poucos dias de uso (além do Effaclar Anti Age, o Clarifying Lotion da Clinique) mas eles não deixam a pele macia e gostosa como o Bioderma, nem perto disso!

A Bioderma tem outros produtos da linha Sebium, todos eles de cuidados com a pele oleosa:

  • Sebium H20 – uma solução micelar purificante
  • Sebium Gel Moussant – gel de limpeza de pele
  • Sebium Barra – sabonete
  • Sebium Global – cuidado anti-imperfeições e anti-marcas da acne

Até usar este Serum eu só havia usado a Sensibio H20, a famosa água micelar.

E você, já usou algum produto da Bioderma? Me conte nos comentários!

 

 

 

 

Polypodium leucotomos como protetor solar

Polypodium leucotomos: alternativa preventiva contra danos solares

O Polypodium leutocomos ficou bastante conhecido pelos leitores do blog quando mostrei aqui o  Helioral que é um produto comercializado no Brasil, encontrado em cápsulas nas farmácias, mas que também pode ser manipulado a pedido do seu dermatologista para reforçar a proteção solar quando for necessário, e isso pode acontecer em várias situações: para auxiliar no tratamento contra melasma, para reforçar a proteção da pele em viagens ou temporadas em que a exposição solar será intensa, enfim, existem situações em que produtos de uso tópico podem ter essa forcinha dos produtos de uso oral.

Hoje vou deixar um artigo muito bom em que uma dermatologista explica o uso do Polypodium leutocomos e acho interessante deixar no blog, afinal gosto de publicar informações vindas de fontes confiáveis.

Polypodium leucotomos – dermatologista destaca orientações sobre prática preventiva

Faça sol ou faça chuva, existem alguns cuidados com a pele que devem estar presentes em nosso dia a dia, entre eles a fotoproteção solar. Não há dúvidas de que a radiação ultravioleta é nociva à nossa saúde.

De acordo com a Dra. Samantha Talarico, Dermatologista e membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, o uso diário de protetor solar é obrigatório! “Muitas pessoas não valorizam o uso do protetor solar diariamente por não saberem as consequências graves que a radiação ultravioleta pode causar à pele. O dano que o sol provoca é cumulativo” alerta a médica.

Pensando nisso, com os avanços da ciência e da tecnologia, foram desenvolvidas novas alternativas para a proteção da pele contra os danos causados pelo Sol, como o fotoprotetor oral. Neste contexto, foi descoberto o Polypodium leucotomos, componente extraído de um tipo de planta encontrada em regiões da América Central, que apresenta propriedades antiinflamatórias e antioxidantes, capazes de fortalecer o sistema imunológico e proteger o DNA das células da pele contra danos causados pela radiação ultravioleta, como eritemas (inflamação causada pela exposição excessiva aos raios ultravioletas), queimaduras, desenvolvimento de manchas, fotoenvelhecimento e até mesmo o câncer de pele.

Vale ressaltar, que apesar dos excelentes benefícios, o fotoprotetor oral não substitui o uso de filtro solar tópico, portanto, não pode ser utilizado isoladamente e sim como uma complementação para potencializar o efeito da fotoproteção. É recomendado que se adote todo um comportamento de proteção solar, que inclui o uso do filtro tópico, vestuário de proteção como chapéus, bonés, óculos de sol, roupas, evitar o horário de maior incidência de radiação e somado a tudo isso podemos introduzir a fotoproteção oral.

“Muitos pacientes acreditam que o uso do fotoprotetor oral possa descartar o uso de outras medidas preventivas, o que não é verdade. Todo cuidado é pouco, a Sociedade Brasileira de Dermatologia recomenda o uso de todas as formas de proteção solar. Sendo assim, este pode ser um excelente recurso para reforçar os cuidados com a pele, desde que combinado a outras práticas preventivas” orienta a dermatologista.

Ainda de acordo com a médica, este tipo de produto deve ser utilizado preferencialmente para indivíduos que apresentam maior sensibilidade à exposição solar, como pessoas que tenham reações fotoalérgicas, fototóxicas, manchas como o melasma ou que façam o uso de medicamentos que facilitam esses tipos de reações na pele.

Polypodium leucotomos – orientações médicas

Existem algumas orientações importantes:

  • Apesar deste tipo de produto ser encontrado em farmácias, o recomendado é que seja prescrito pelo dermatologista, que também pode optar por manipular o medicamento de acordo com as necessidades específicas de cada paciente.

  • Pessoas com hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula e crianças não devem utilizar este método de proteção. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.

Agora que já sabem da importância da fotoproteção, não deixem os cuidados de lados. São os pequenos cuidados diários que fazem toda a diferença.

Polypodium leucotomos – produtos com a substância

Polypodium leucotomos produtos - onde comprar

Protetor solar em cápsulas Bioderm

Helioral

Polypodium Leutocomos Miligrama

Homeo Ervas

Instituto Bioquímico

Polypodium Leutocomos Oficial Farma

 

Sobre a dermatologista Dra. Samantha Talarico

Graduada pela faculdade de medicina de Santo Amaro com formação no Instituto de Dermatologia Professor Rubem David Azulay, na Santa Casa do Rio de Janeiro. Realizou estágios em Dermatologia no Instituto de Doenças Tropicais do Amazonas e no Hospital Saint Louis, em Paris. Dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

 

Máscara Algilon Vitamina C clareadora Art Vitta – testei!

Usei a Máscara Algilon Vitamina C da Art Vitta – venha conhecer

Recebi a Máscara Algilon Vitamina C junto com o creme de Vitamina C da Art Vitta e resolvi usar agora, que estou há bastante tempo usando o creme (voltei a usar depois de uma pausa – me acompanhe no instagram que eu mostro todas os produtos que estou usando! @luvilelapaes ). Vou aproveitar minha experiência com o produto e contar várias coisas sobre ele, vamos lá!

O que é Máscara Algilon?

A máscara Algilon é uma mistura de ingredientes que, ao ser misturada com água, se transforma em uma máscara peel-off, e podem ter vários benefícios dependendo do tipo de ingredientes adicionados: hidratantes, revigorante, purificadora, e no caso dessa que eu usei, clareadora, pois tem Vitamina C.

Vale a pena ler o post com as opções de vitamina C para o rosto

 

Máscara Algilon Vitamina C da Art Vitta – preparo

A Máscara Algilon de Vitamina C tem 4 extratos vegetais e vitamina C pura, o que dá a ela poder clareador, antioxidante e aumenta a síntese de colágeno e elastina da pele. O preparo da máscara é bem simples: basta misturar o conteúdo do envelope (10g) com 30ml de água – só pra você ter uma ideia, 10ml é uma colher de sopa. Eu usei aquele copinho medidor que vem na Novalgina infantil #ficadica

Use um recipiente limpo, plástico, e uma espátula para misturar. Eu usei uma colher de plástico descartável, e usei a mesma colher para espalhar no rosto todo. Em poucos minutos ela gelifica no seu rosto (evite ficar falando para não craquelar como aconteceu comigo – veja foto), aí você deixa por 15 minutos no total. Aproveite pra relaxar!

Máscara Algilon Vitamina C Art Vitta

O processo de preparo, aplicação e uso da máscara é bem tranquilo, mesmo assim acho que da próxima vez eu vou fazer tudo com mais capricho, porque eu baguncei um pouco a coisa, rsrs Mesmo assim deu super certo, e eu adorei o resultado imediato. Deu uma iluminada no rosto, um viço, e a sensação de hidratação também é muito gostosa – mesmo não sendo o objetivo da máscara ela acaba hidratando também.

Para quem é indicada a máscara Algilon Vitamina C

Qualquer pessoa pode usar, mas quem faz tratamento para clareamento da pele, especialmente com vitamina C de uso diário, pode aproveitar bastante os benefícios do tratamento contínuo com uma máscara clareadora. O ideal não é usar uma vez só, mas fazer aplicações sucessivas.

Lembrando que a máscara sozinha não é um tratamento para clarear as manchas, mas ela complementa o tratamento. Aliás, qualquer máscara facial de uso semanal deve ser visto assim, assim como uma limpeza de pele é importante em quem faz tratamento contra acne – você precisa fazer de vez em quando para ter os benefícios que irão se somar aos resultados do seu cuidado diário com a pele. Eu estou usando o Creme de Vitamina C 20% da Art Vitta diariamente, então percebo nitidamente o viço da pele melhor com o tratamento!

Onde comprar e preço

A Art Vitta vende esta máscara em um pack com 4 envelopes por 45 reais (já pensando na ideia do tratamento contínuo que eu falei ali em cima). A farmácia tem loja física em Santa Bárbara D’Oeste (SP) mas também tem loja online – artvitta.com.br

 

 

 

 

Spa em casa – passo a passo

Spa em casa – faça um Spa Day com essas dicas!

Ontem fiz um spa em casa – ou Spa Day – coisa que eu já faço há anos, desde adolescente, mas que só mostrei ontem no stories do Instagram ( e foi um sucesso, muita gente seguiu tudo o dia inteiro <3 ) – aliás, vou reforçar o convite: eu mostro muitas dicas práticas no Stories do instagram, que tal me seguir por lá? ( @luvilelapaes )

Comece o Spa em casa pelos cabelos

Mesmo que você não queira fazer um spa day focado no tratamento do cabelo, comece lavando os cabelos. Isso porque o banho irá facilitar os próximos passos, além de deixar um tempinho maior para deixar o cabelo secar naturalmente caso você não queira finalizar com secador/escova.

1- Se quiser fazer umectação: passe um óleo em todo o cabelo, deixe por 15-30 minutos, lave o cabelo normalmente. você também pode fazer o mesmo processo usando um creme (como o Novex É do Babado) no lugar do óleo.

2- Se quiser fazer um tratamento mais profundo, use uma máscara capilar e deixe um tempo de pausa maior. Para isso, use uma touca, mesmo que não seja uma touca térmica.

3- Se quiser apenas lavar e condicionar, passe um leave in e faça a finalização que desejar. Eu fiz isso, usando a linha Sou + Cachos da Yenzah – que estou testando e vai ter resenha em breve – e depois de passar o Leave In Suave fiz 2 coques baixos para finalizar com as ondas no comprimento e pontas.

Até agora tenho a resenha do Óleo de Coco Sou + Cachos Yenzah aqui no blog, depois terá o resto da linha 😉

 

Spa em casa - cabelos - spa day

 

Próximo passo: unhas!

Após o banho eu costumo aproveitar para fazer as unhas – agora, especialmente, a dos pés, já que voltei ao processo de não tirar as cutículas das unhas das mãos (isso será assunto pra outro post!). Mas as cutículas dos pés eu tiro, então após o banho é o momento ideal para fazer isso.

Spa em casa - spa day - unhas dos pés - pedicure

Um dos meus produtos preferidos da vida para fazer as unhas é o Mira Cuticle da Avon. De todos os amolecedores de cutículas, o meu preferido. Ele amolece a cutícula rapidamente, deixa tudo bem hidratado e meleca menos do que os óleos (que eu também amo, mas só perdem para o Mira Cuticle no quesito “melecação”, haha).

 

Usei o Avon Nailwear Pro Nude Chic
 

 

 

Ativos que tratam o melasma

Como agem os ativos que tratam o melasma

Vitaminas orais e potentes cremes com ação anti-inflamatória estão entre as novidades para combater as manchas do melasma

O melasma é caracterizado por manchas escuras ou acastanhadas (geralmente com padrão bilateral) e afeta principalmente mulheres em idade fértil. Segundo a dermatologista Dra. Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, apesar de não ter cura, o tratamento contínuo promove melhora significativa e o uso de produtos diários ajuda no controle da hiperpigmentação. “Atualmente para os tratamentos para manchas é preconizado, além do produto de uso tópico, os produtos de uso oral que possuem benefícios antioxidantes e diminuem a inflamação”, acrescenta Mika Yamaguchi, farmacêutica e diretora científica da Biotec Dermocosméticos.

melasma

Suplementos Orais

Mika explica que, na parte oral, é fundamental a suplementação de antioxidantes, que diminuirão a formação de radicais livres, estresse oxidativo e consequentemente o processo inflamatório. “Um produto que tem ação de diminuir a inflamação é o Fosfolipideo do Caviar, que possui ação de proteção da membrana celular, fortalecendo e reparando dos danos causados pelos radicais livres, e pela presença de ômega 3, que diminui o estado inflamatório. Outro antioxidante diferenciado é o Glycoxil que interrompe o estresse oxidativo”, conta a farmacêutica. Além deles, Bio Arct aumenta a produção energética do organismo, que dessa forma terá a capacidade de produzir melanina de boa qualidade e Exsynutriment, que estimula a formação de colágeno e fortalece a junção dermoepidérmica — e dessa forma ocorrerá menos migração de pigmento para superfície diminuindo a formação de manchas.

Cremes

No ponto de vista do tratamento tópico, ativos como Sirahmnose, Hyaxel, Pro Barrier Repair, Alistin, B-White, Lipex Canola UB, OTZ 10 e Arct-Alg são importantes porque tratam os principais pontos, que são:

  1. Fortalecimento da junção dermoepidérmica: é o local que liga a epiderme e derme. Sirahmnose melhora essa ancoragem, e ajuda a diminuir a migração do pigmento para as camadas mais superficiais;
  2. Estímulo da renovação epidérmica de forma gradual: com a união do ácido hialurônico Hyaxel e PBR (Pro Barrier Repair), há estímulo da renovação celular e a remoção das células mortas;
  3. Aumentar a proteção contra os danos do UVB: o raio UVB causa danos no DNA e morte celular. Neste caso, o antioxidante indicado é o Alistin, que potencializará o sistema de defesa natural da pele e dessa forma aumenta a resistência aos raios UVB;
  4. Diminuição da pigmentação: o peptídeo clareador B-White controla a produção de melanina ao agir tanto na pigmentação de origem genética como nas manchas por exposição solar;
  5. Diminuir a inflamação com ativos como o Lipex Canola UB: com ação anti-inflamatória potente igual à da hidrocortisona, diminuindo o estado inflamatório da pele, o que diminui a chance de hiperpigmentação da pele em processos irritativos;
  6. Diminuir a ação dos raios UVA, Infravermelho A e luz visível. Aqui, o antioxidante avançado o OTZ 10 protege a pele da formação de radicais livres originados pela luz visível, Infravermelho A, UVA e UVB neutralizando os radicais livres e protegendo o DNA;
  7. Aumento de produção energética gera na célula a capacidade de responder melhor e produzir melanina de boa qualidade, o que evitará a formação de manchas. Arct Alg aumenta a vascularização da pele e também triplica a produção energética da célula.

Mika explica que esse sistema clareador diminui as manchas de forma suave sem irritar a pele, mantendo sua boa hidratação e diminuindo as chances de efeito rebote ou seja, o escurecimento.

Outros tratamentos

O exame clínico dermatológico é que vai indicar o diagnóstico e o tratamento da condição crônica cuja melhora depende do paciente (uso de produtos adequados e cuidados com a fotoexposição) e que pode piorar com tratamentos mais agressivos. A questão da fotoproteção é indispensável para estabilizar os benefícios dos tratamentos. “O uso de fotoprotetores com no mínimo FPS 30 para rosto e corpo (nas áreas mais expostas) deve ser diário”, explica. A farmacêutica alega que é sempre importante buscar auxílio de um dermatologista, que pode orientar para o controle do melasma ácidos clareadores, lasers, luz pulsada e peelings.

 

Qual o pH da pele? Entenda e cuide-se melhor

Entenda o pH da pele e como isso influencia nos seus cuidados diários

Você sabe o que é pH? Sabia que a pele tem uma faixa de pH ideal, que mostra que ela está em equilíbrio e saudável? Depois que entendi isso aprendi a usar melhor os produtos e quero deixar essas informações com vocês, espero que gostem!

 

O que é pH?

O potencial Hidrogeniônico, ou pH, é um índice que mostra o grau de acidez, neutralidade ou alcalinidade de uma solução. Sem entrar em detalhes mais científicos e concentrações de íons de Hidrogênio, em uma escala de 0 a 14, o 7 seria o pH NEUTRO, valores abaixo de 7 indicam uma solução ácida, valores acima de 7 indicam uma solução alcalina ou básica.

O pH da pele – manto hidrolipídico

A pele “saudável” tem um pH ácido, com valores entre 4,5 e 6. Isso tem um motivo:

Nós temos uma espécie de “filme” sobre a pele, o manto hidrolipídico (hidro – água e lipídio – gordura), e este manto é ligeiramente ácido. Ele tem a função de barreira, protege a pele contra agressões do ambiente no dia a dia, deixando-a com uma hidratação natural. O fato de ter um pH ácido ajuda no equilíbrio dos microorganismos, pois inibe a proliferação de bactérias e fungos – uma pele com acne ativa, por exemplo, tem o pH alcalino, ou seja, tem um ambiente propício para as bactérias que causam as inflamações na pele.

Detalhe: o pH varia com a idade, com o gênero, e com a área do corpo. Alguns lugares, como axila por exemplo, tende a ter um pH mais próximo a 7.

O equilíbrio do pH

Sabendo que a pele tem um pH naturalmente ácido, e que este pH ajuda no equilíbrio da flora da pele, o desequilíbrio do pH da pele irá causar sinais visíveis.

A pele muito seca tem pH abaixo do ideal.

A pele com dermatite atópica, rosácea, acne ativa, tem pH acima do ideal.

O desequilíbrio do pH ideal pode ocorrer por vários fatores, como tratamentos com certos tipos de remédios, quimioterapias, excesso de limpeza, agressões externas como exposição a poluição. E tem jeito de reequilibrar? TEM! (essa é a notícia boa)

Falando no óbvio, que parece clichê mas não tem como fugir, a alimentação é um fator muito importante para manter o equilíbrio da saúde geral do corpo, e da pele também, claro. Mas para alimentação nós temos que prestar atenção em alimentos alcalinizantes, que são frutas, legumes, verduras, mas isso seria assunto para outro post!

Agora quero colocar alguns tópicos aqui que são mais práticos, para que vocês entendam melhor:

O pH da pele e o famoso efeito rebote da pele oleosa

Quem tem pele oleosa e já passou por dermatologistas já deve ter ouvido a recomendação de não exagerar na limpeza da pele. Isso parece estranho, já que temos a sensação de pele “suja” e que precisa de mais limpeza do que o normal, não é?

Acontece que os produtos de limpeza de pele mais adstringentes tem o pH alcalino, que levam embora a sujeira e o óleo excessivo acumulado na pele, mas também levam embora aquele manto hidrolipídico natural que eu mencionei no início do post, e isso irá desequilibrar o pH da pele.  Acontece que a pele precisa desta barreira natural, e vai produzi-lo novamente para se proteger e manter a hidratação. Se você lava a pele constantemente, ela irá produzir mais óleo ainda, o chamado “efeito rebote”.

Mas você não vai deixar de limpar a pele por causa disso, certo? Tem o jeito certo de fazer sua rotina de cuidados com a pele, reequilibrando o seu pH e ajudando-a a ficar mais saudável e bonita.

Como reequilibrar o pH da pele

Já viram aquela ordem de aplicação de produtos para a pele: limpeza, tonificação e hidratação? Esta ordem não é à toa.

Após a limpeza, que já vimos que desequilibra o pH da pele e tira o manto hidrolipídico natural, a tonificação da pele irá ajudar a restaurar o pH, e você pode fazer isso usando:

Tônicos faciais

Lo-C3-A7-C3-A3o-t-C3-B4nica

a principal função do tônico facial é o reequilíbrio do pH da pele – eles ainda refinam a limpeza da pele. Eu vou ser bem sincera, sempre li que eles reequilibram o pH mas achava que a função principal do tônico era finalizar a limpeza da pele, retirando resíduos.

Soro Fisiológico

Tem o pH fisiológico, em torno de 6.0, e é um curinga para a pele que pode ser usado em vários momentos do dia.

Água Micelar

Águas micelares - comparação

Além de serem usadas como demaquilantes, elas podem ser usadas após a limpeza e algumas ainda tem outros benefícios como hidratar, tratar a pele a longo prazo – lembra que eu fiz uma comparação aqui no blog?

Comparação de 6 águas micelares

20 águas micelares

E depois de reequilibrar o pH da pele, o que eu faço?

Agora que você deu essa forcinha para reequilibrar o pH da pele, ela estará pronta para receber os tratamentos que virão a seguir: pode ser hidratação, seu tratamento anti idade, tratamento contra o melasma, o que for.

O pH dos produtos que virão a seguir (hidratante, clareador, vitamina C, etc) terá um valor adequado para o seu tipo de pele. Aliás, quem tem pele oleosa aí (já vimos que ela tende a ser alcalina, não é?) pensa comigo: perceberam como os melhores produtos para pele oleosa são ácidos? Ácido retinóico, ácido glicólico, ácido azelaico… 😉

Pode borrifar água no rosto para refrescar?

A água da nossa torneira é tratada para ser alcalina, por isso não é legal ficar borrifando essa água no rosto para refrescar. Melhor fazer isso com o soro fisiológico, água termal ou até mesmo uma água mineral com pH próximo de 6 – toda água mineral que a gente compra para beber informa o pH no rótulo, o ideal é que para beber ela seja alcalina ou neutra, e se o pH for próximo de 6 é melhor você usar no rosto do que beber 😉


 

Viram como o raciocínio é simples, e sabendo dessas coisas você toma providências práticas e simples no seu dia a dia que irã melhorar e muito a sua pele? Espero que o post e o vídeo tenha ajudado, tô esperando os comentários de vocês: já sabiam desse lance do pH da pele? O que fazia de errado? Quero saber!

 

 

 

Glycare Duo Mantecorp – resenha!

Tudo sobre o Glycare Duo

Recebi o Glycare Duo da Mantecorp para testar, e confesso que se não tivesse recebido dificilmente teria sido um produto que eu compraria no escuro, sem recomendação de dermatologista. Vocês sabem que eu tenho pele sensível, e de alguns anos pra cá essa sensibilidade está ainda mais aflorada, mas como minha pele continua oleosa e eu enfrente um verão daqueles eu preciso continuar os cuidados com a pele oleosa… não tem como fugir!

O motivo que me faria não comprar o Glycare Duo seria sua composição, com ácido glicólico e niacinamida, mas agora que eu usei vi que ele funcionou direitinho pra mim. Vou explicar tudo, fiquem comigo!

Glycare Duo em vídeo – resenha no Youtube

Aproveite e se inscreva no canal 😉

Glycare Duo Mantecorp resenha

Glycare Duo – por que este nome?

Glycare é um sabonete já bem conhecido da Mantecorp, que é indicado para pele normal a mista. Glycare Duo é indicado para pele oleosa (inclusive acneica) e o nome Duo sugere as duas formas de uso: como sabonete de uso diário e como máscara facial. O que difere o uso é o tempo que vc deixa o produto na pele.

Glycare Duo como sabonete você aplica uma pequena quantidade no rosto, espalha evitando a área dos olhos, e enxágua em seguida.

Como Máscara, você aplica o produto em todo o rosto e deixa por 5 minutos (em média, mas atenção que daqui a pouco eu vou explicar que isso pode variar), depois lava o rosto normalmente para retirar todo o produto.

Glycare Duo – composição

Os principais componentes do Glycare Duo são:

Ácido Glicólico – conhecido por fazer uma boa esfoliação química, provocando a renovação celular e consequente melhora na textura e luminosidade da pele. É muito usado em peelings químicos (em concentrações mais altas, claro). Auxilia em tratamentos para clareamento de manchas na pele, melhora cicatrizes, fecha os poros e trata a acne. Ou seja, um velho amigo de quem tem pele oleosa – quem tem pele oleosa e/ou acne e já tratou com dermatologista provavelmente já usou alguma coisa com ácido glicólico.

Niacinamida – outro nome da Vitamina B3, melhora a capacidade de hidratação da pele, ajudando a reter umidade e reforçando a barreira natural da pele, consequentemente. Regula a produção de sebo, melhora a textura da pele, e ainda tem uma característica importante para quem trata manchas na pele: ela inibe a transferência de melanina entre as células, o que acaba reduzindo a sua hiperpigmentação.

Deu pra perceber a “vibe” do produto? Bom para quem tem pele oleosa, acneica, com superfície irregular e com manchas.

Mas e aí, é só usar de qualquer jeito? NÃO!!!!!! Alguns cuidados precisam ser tomados, e agora vem a parte mais importante do post, não deixe de ler!!!!

Glycare Duo – recomendações e cuidados

Vou dividir em tópicos pra não deixar passar nada:

  • No começo do tratamento com Glycare Duo use uma quantidade menor de produto e alterne os dias de uso.  Faça com que seu rosto se acostume ao tratamento aos poucos.
  • Se sentir uma leve ardência, pinicação ou ressecamento nos primeiros dias, é normal. Se achar que a reação está muito forte, interrompa o uso e converse com seu médico.
  • Não use na área dos olhos, nem nas pálpebras.
  • Cuidado ao associar o Glycare Duo com outros ácidos, como ácido retinoico por exemplo. Deixe isso para seu dermatologista, principalmente se você tem pele sensível.
  • Enquanto estiver usando ácido glicólico não faça depilação no rosto! Já ouvi casos de quem já teve até queimadura por usar cera quente no buço. Mesmo se não queimar, você pode ter um melasma por conta disso. A pele fica muito fina e sensibilizada e se você quiser depilar deve interromper o tratamento cerca de 10 dias antes (isso vale para qualquer método de depilação).

Minha experiência com o Glycare Duo

Mostrei no stories do Instagram (@luvilelapaes) algumas experiências com o Glycare Duo, inclusive no dia em que eu usei como máscara facial. Fiquei surpresa com a reação da minha pele – achei que minha sensibilidade iria me fazer desistir de usar o produto mas eu não só continuei usando como estou amando o resultado.

Glycare Duo Mantecorp resenha

Estou usando vitamina C e o rosto já estava bem viçoso, mas o Glycare Duo deu uma turbinada no alisamento da pele, que está mais fina e mais clara, visivelmente mais clara. Ele faz minha pele pinicar ainda, mas nos primeiros usos eu senti mais, agora me acostumei e não me incomoda. Usar como máscara foi mais fácil do que eu pensava: começou a pinicar nos primeiros segundos, mas logo após parou, e a pele nem ficou vermelha depois que tirei o produto!

Ele é formulado para minimizar as reações alérgicas, e isso pra mim fez diferença. Mesmo assim, sinto que é um produto forte. Já estou usando há 20 dias e vou ver até onde minha pele irá resistir. Se resistir até acabar a embalagem, ótimo. Mas aí pretendo dar um tempo pra pele descansar, já que eu não estou fazendo tratamento para clarear manchas na pele – mas para quem quer clarear a pele o ideal é fazer um tratamento contínuo de pelo menos 3 meses para ter resultados mais satisfatórios.

Este é um produto eficaz para limpeza de pele oleosa, e bem forte na minha opinião. Quem se der bem com ele tem tudo pra ficar com uma pele lindona, mas o ideal mesmo é que ele esteja num tratamento prescrito pelo dermatologista, aí você usa com toda segurança e associando a produtos certos.

Ficou alguma dúvida? Deixe nos comentários, vamos conversar! O que eu não souber responder eu passo pra assessoria, combinado?

Onde comprar e preço

Glycare Duo é vendido em farmácias, drogarias e lojas de cosméticos, físicas e online. A embalagem vem com 120g  e tem o preço médio de R$50,00.

 

Vitamina C Art Vitta com ácido hialurônico resenha

Art Vitta – Resenha do Creme Facial com 20% de vitamina C e 5% de ácido hialurônico

Recebi esta vitamina C da Art Vitta desde que recebi, em dezembro/17. Tenho tanta coisa pra falar que nem sei por onde começo, então já vou convidando a assistir o vídeo que gravei pro canal, podem assistir antes ou depois, mas assistam “porfavorzinho” para que tenham uma visão mais completa, pois um conteúdo completa o outro – tem coisa que fica chata de ficar falando no vídeo, fica muito longo, né?

VEJA TAMBÉM: 26 vitaminas C para o rosto (já tem mais de 26 atualmente!)

Vídeo-resenha Creme Facial 20% Vitamina C e 5% Ácido Hialurônico Art Vitta

A Art Vitta é uma farmácia de manipulação de Santa Bárbara D’Oeste, interior de SP. Eles entraram em contato comigo para me oferecer este produto, que eu não conhecia, e depois pelos comentários no Youtube fiquei sabendo que já era um produto famosinho por causa da Ju Lopes, do Juro Valendo. Há muito tempo eu não uso cosmético manipulado, mas foi pura falta de oportunidade. Algumas vezes me perguntaram se eu usava, e sempre respondi que não, mas não tenho preconceito nenhum. Se o dermatologista receitar, e a farmácia for boa, eu acredito nos resultados também. O que aconteceu depois do blog foi que as oportunidades de conhecerem as marcas que existem no mercado foi muito maior e eu acabei ficando nesse mundinho, mas uso manipulados sem problema algum.

Lembrando sempre: a empresa me ofereceu o produto mas a resenha é livre, tá? Como sempre, aqui no blog eu posso sempre mostrar minha experiência e dar minha opinião sem interferência das empresas/marcas/assessorias

Vitamina C Art Vitta – apresentação

Vitamina C e ácido hialurônico da Art Vitta resenha

A embalagem vem com 50g, o que é maior do que as vitaminas C que eu conheço no mercado, que geralmente vem com 30g. Tem uma válvula pump, e apertando apenas 1x sai a quantidade boa para usar no rosto todo (talvez precise complementar um pouco a mais). Esta válvula pump não deixa passar luz, então protege a vitamina C da oxidação que acontece quando ela entra em contato com o ar ou a luz.

Uma característica importante que quero ressaltar é a questão da validade: por ser um produto manipulado sua validade é de 5-6 meses. Como tem 50g de creme, o que é muito, é legal você passar no rosto, pescoço e até colo, já que dificilmente você conseguirá finalizar um tubo nesse prazo usando só no rosto – não precisa abusar da quantidade, lembra? Só não se esqueça de usar protetor solar em todas essas áreas também.

Rotina de cuidados com a Vitamina C Art Vitta

Quero contar como estava minha rotina antes de usar a Vitamina C da Art Vitta: como estava começando o alto verão eu estava usando o Effaclar Anti Age para retexturizar a pele, pois ela já estava começando a ficar meio “grossa” por causa da exposição ao sol. Pela manhã eu estava aplicando o Hyaluron Filler, pois não quero deixar mais de usar ácido hialurônico no dia a dia. Não interrompi o uso dos produtos, então acrescentei a vitamina C e a rotina ficou assim:

  • manhã: limpeza – vitamina C – Hyaluron Filler – protetor solar

  • noite: limpeza – vitamina C – Effaclar Anti Age – hidratante (Hyaluron Filler, Água Termal, Hydrance Optimale)

Sempre me perguntam a ordem de uso dos produtos, então: sempre que tem vitamina C na rotina eu uso logo após a limpeza, ok?

Vitamina C e ácido hialurônico da Art Vitta resenha

Experiência com a Vitamina C Art Vitta – resultados até agora

Pra começar, vejam os benefícios do creme segundo a Art Vitta:

·         Poderoso anti-idade

·         Hidratante

·         Antioxidante

·         Prevenção de rugas

·         Clareador

·         Não oleoso

Na prática, quando uso vitamina C eu tenho um rosto mais viçoso, mais luminoso, uniforme e lisinho. Ele atenua manchas, mas como não tenho manchas contrastantes, apenas pequenas marquinhas claras, eu percebo que isso continua sob controle, e às vezes até melhora – por isso eu gosto de usar junto com algum retexturizador, como é o caso do Effaclar Anti Age. Ano passado usei o Redermic R Corrective e foi maravilhoso também! A concentração de 20% de vitamina C é bem alta, por isso se você nunca usou vitamina C e começar a sentir um leve formigamento ou uma sensação de ardência nos primeiros usos é normal. Mas se a reação for forte, interrompa o uso e converse com seu médico. O ideal é começar com concentrações menores, e ir avançando o tratamento, caso necessário, com a orientação do dermatologista. Se você tem melasma este produto pode ser usado no seu tratamento de pele.

Meu rosto está bem lisinho, firme, uniforme e iluminado, um resultado ótimo para quem está em pleno verão e aproveitando todas as atividades ao ar livre (com muito protetor solar sempre!!!). Aliás, me acompanhem no stories do instagram (@luvilelapaes) pra ver os tratamentos e os resultados ao vivo, assim fica mais fácil acreditar no que eu escrevo aqui, certo? 😉

Quanto ao acabamento, a vitamina C da Art Vitta não acrescentou oleosidade à minha pele, nem deu espinhas. Ela seca rapidamente, só não deixa a pele aveludada (ela seca e some).

Além de vitamina C, o creme também tem ácido hialurônico, que é hidratante. Eu amo e não vivo sem hialurônico mais, e quem estiver na minha faixa etária (tenho 41 anos) é bom associar esse hidratante à vitamina C, então como este produto já tem os 2 é um ponto super positivo. No meu caso específico, eu só continuei o uso do Hyaluron Filler pois eu já estava usando e não quis interromper o tratamento, mas eu poderia usar só a vitamina C e dispensar o hidratante também.

 

Onde comprar e preço

O Creme Facial com vitamina C 20% e Ácido Hialurônico 5% custa atualmente R$95,50 na loja virtual da Art Vitta  e vem com 50g, o que é bastante quantidade. Eles também tem loja física em Santa Bárbara d’Oeste.

 

 

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...