10 dicas para empreender sem sair de casa

10 dicas para empreender sem sair de casa, garantindo renda extra e trabalhando a criatividade

Abrir um negócio é o sonho de muitos brasileiros, mas você já pensou em como seria ter o próprio negócio trabalhando em casa? Muitas mulheres, principalmente, em um nobre ato de sacrifício pessoal, abrem mão da carreira para se tornarem mães em tempo integral e assim cuidar apenas dos afazeres domésticos, o que, na prática, dá muito trabalho.

Com o passar dos anos, os filhos maiores e os afazeres em menor escala, muitas mulheres caem na rotina, começam a se sentir desanimadas, correndo o risco, inclusive, de desenvolver doenças psicológicas, como a depressão. Nessa altura, muitas se questionam sobre “saber” fazer outras coisas além daquilo que fizeram a vida toda.

Por isso, tenho uma notícia pra você, mulher: SIM. Com força de vontade e mente aberta para novas experiências e aprendizados você vai começar a caminhar pelo caminho certo, além de ajudar a fugir do trivial, pode se tornar renda extra para a economia do lar. Mas lembre-se, é preciso se aperfeiçoar, estudar, ir além para ganhar destaque.

Trabalhar com a criatividade está totalmente ligado ao universo feminino, pois você pode nem perceber, mas até para fazer um jantar especial está usando a criatividade o tempo inteiro. Com isso, quero ajudar a fazer com que você descubra a profissional incrível que você pode ser e isso não tem relação alguma com números, ou seja, não importa a idade que você tem, desde que esteja disposta a aprender coisas novas mergulhando em um mundo desconhecido sem medo.

A revenda de materiais gráficos, bem como sua personalização, está com tudo no mercado e tem sido muito promissora, uma vez que, com a crise que o Brasil vem passando, muitos empresários e comerciantes recorreram a esse tipo de material para aumentar a visibilidade ou implementar uma maior divulgação de promoções, produtos e serviços.

As gráficas online que trabalha apenas para revendedores são ótimas opções  para quem está entrando no mercado de design e impressos, pois possui preços acessíveis e uma infinidade de materiais que podem ser ofertados a diferentes nichos de trabalho, seja para empresas maiores ou autônomos, além de ter o diferencial de ser online, ou seja, você não precisa sair de casa nem para enviar os pedidos para a gráfica. Abaixo você encontra algumas dicas de como entrar nesse segmento e ter um bom lucro sem sair de casa, contribuindo para a renda familiar sem deixar os afazeres do dia a dia de lado.

empreender em casa - 10 dicas

 

1 – Seja curiosa

Principalmente com relação a aprender coisas novas e funcionalidades de ferramentas de design, você vai precisar delas para produzir e finalizar arquivos antes de mandar para a impressão na gráfica. São muitas as ferramentas existentes hoje em dia, mas a mais conhecida é o Photoshop, muito utilizado para tratamento de fotografias. Também podem ser utilizados o InDesign e Illustrator, esses são os mais indicados para editoração, ou seja, para fazer materiais gráficos.

Ao decidir utilizar alguns desses, fuce. Faça testes para descobrir as funcionalidades, veja tutoriais em vídeo e escritos, converse com alguém que entenda. Essas ferramentas possuem capacidade imensa para brincar com o que quiser referente a imagens.

 

2 – Faça um portfólio

Pegue os testes e trabalhos que fez por conta própria e compile em algum site. O Behance e o Cargo, além de serem ótimos para você expor o seu trabalho, também são maravilhosos para buscar referências e inspirações para novos projetos, desde os mais simples, até trabalhos extremamente minuciosos e que demandam muitas funcionalidades. Não se preocupe, você consegue.

 

3 – Se venda

Venda o seu trabalho para as pessoas mais próximas, pode não parecer, mas o marketing boca a boca ainda funciona muito bem e alguém pode acabar te indicando para alguém que precise de materiais gráficos.

 

4- Não se limite, mas saiba até onde ir

Um passo de cada vez. Não tente pegar trabalhos muito difíceis logo de cara, saiba até onde você consegue ir com as ferramentas. Designers super conceituados começaram de baixo, fazendo pequenas artes para apresentações de slide. Não queira dar um passo maior do que pode, a sinceridade consigo mesma é mais importante e permite que você não perca um cliente, pois dizer que vai entregar um projeto, mas no fim entregar algo diferente pode fazer com que você perca uma venda e um cliente fiel em potencial.

 

5- Menos é mais

Evite excesso de elementos em um único material. Isso polui o produto e pode deixar informações soltas. Dê preferência para um projeto mais “clean”, ou seja, em tradução literal, mais limpo. Um cartão de visita, por exemplo, pode ficar incrível e super conceitual com uma boa ideia de diagramação e poucos elementos. Aliás, neste tipo de material, sempre priorize o nome da empresa, o logotipo, o nome da pessoa responsável e os contatos de telefone e e-mail. Nada além disso, pois o cartão de visita é um material pequeno e com informações pontuais, por isso não se deve poluí-lo.

 

6- Comece por você

Que tal começar preparando materiais para você mesma? Faça um cartão de visita para a sua marca, folhetos com os trabalhos de revenda que você exerce. Personalize o seu ambiente de trabalho – mesmo que ele seja na sua casa – e vista a camisa da sua própria marca. Confie nela para que todas as outras pessoas também confiem.

 

7- Atualize-se

Esteja por dentro de tudo o que acontece no mundo gráfico, mas principalmente, no mundo do design. Veja as novas tendências de cores, de projetos, o que está na moda agora, qual o tipo de arte que as pessoas estão buscando para seus materiais gráficos, fontes e um mundo de coisas novas que vão te ajudar a ter mais ideia e nadar a favor da correnteza.

 

8- Aperfeiçoe-se

Há inúmeras opções de cursos gratuitos ou com baixo investimento para quem não quer fazer uma graduação completa. Workshops, feiras e até mesmo cursos online sobre ferramentas e sobre o que está acontecendo no mercado agora, o que os clientes estão buscando e tudo o que pode ser interessante e que agregue na hora de você fazer novos clientes e lucrar mais.

 

9- Saiba quanto cobrar

Antes de mais nada, é preciso avaliar o seu nível profissional, o quão graduado é para exercer tal função, os conhecimentos que o trabalho exige unidos aos seus conhecimentos, o seu tempo de experiência e bagagem técnica. É preciso ser honesto consigo mesmo para ser honesto com quem deseja comprar o seu serviço. Dessa forma, ninguém perde e você ainda pode fidelizar o cliente para futuros trabalhos e indicações. A maioria dos profissionais cobram por hora de trabalho, mas isso depende de cada um.

Você também pode gerar um valor hipotético de salário mensal. Digamos que você deseja um salário de R$ 3.000,00, para trabalhar 7 horas por dia e 20 dias no mês. Isso gera 140 horas mensais que dividido pelo salário resulta em R$ 22,00 pela sua hora de trabalho. A partir disso, é possível avaliar o tempo que gastará e o preço a ser cobrado.

 

10- Acredite em você

Muitas pessoas tem o costume de deixar algo de lado quando surgem as dificuldades, mas acredite em você mesma, não deixe que nada e nem ninguém a faça desistir por motivos banais. O aprendizado pode até ser trabalhoso, pois são muitas funcionalidades a aprender, mas não é impossível. Com o tempo você vai ver que é uma questão de prática e quando perceber já será expert no assunto. Muitos talentos são perdidos pelo que os outros falam, por isso, não deixe que ninguém fale que você não é capaz. Se você acredita em si mesma, vá em frente e mostre que eles estavam errados.

 

Espero que essas dicas ajudem a enfrentar novos desafios, conquistar novas posições, entender de um mercado diferente e, claro, conseguir muitos clientes. Se precisar de alguma ajuda, conte comigo. Depois conta aqui no blog como está sendo a experiência, assim podemos ajudar outras mulheres a saírem da rotina e ir além daquilo que nem imaginavam que eram capazes.

 

 

Alarme residencial

Alarme residencial: Conheça os melhores tipos e suas vantagens de instalá-los na sua casa

Alarme residencial e sensor de presença

Conforme as cidades se tornam mais populosas, aumenta a preocupação em manter sua residência protegida e segura contra a ação de indivíduos mal-intencionados. Deixar a casa vazia por longos períodos tem obrigado muitos moradores a recorrem a equipamentos de segurança, como o alarme residencial.

Desenvolvido para alertar os indivíduos sobre invasões através da emissão de um sinal sonoro, essa espécie de sensor de presença, também  conhecido como alarme para casa, torna todo o recinto, tanto do lado de dentro quanto de fora protegido e vigiado contra invasores.

A seguir vamos conhecer um pouco mais detalhadamente alguns tipos de alarmes residenciais e quais são as vantagens que cada um deles pode oferecer para manter o seu bem mais precioso mais seguro do que nunca. Continue lendo!

Alarme sem fio com sensor de presença

Alarme residencial e sensor de presença

Para poupar um gasto desnecessário e excessivo quebrando paredes para realizar a passagem de fios, foi criado o alarme sem fio com sensor de presença, um dispositivo que dispensa maiores dificuldades na hora da instalação.

Outra vantagem bastante nítida diz respeito a possibilidade de expansão da área de cobertura, que pode abranger perímetros maiores, resultado do surgimento de novos cômodos, criados a partir de uma reforma recente na residência.

Se por um lado há uma abrangência maior do alarme residencial sem fio, por outro, o morador conta com maior autonomia e mobilidade, sem precisar ficar preso a rede elétrica, por exemplo, já que as baterias internas garantem um funcionamento prolongado desses dispositivos.

Agora, com o monitoramento da sua residência feito de forma remota, você ganha mais liberdade e praticidade caso queira integrar o alarme residencial sem fio em conjunto com uma central de monitoramento com câmeras, o que vai expandir ainda mais a segurança do seu lar.

Por dispensar o uso de fios, esse tipo de dispositivo automaticamente se torna mais difícil de ser desativado pelo criminoso, já que apenas o próprio proprietário do imóvel possui o controle para ligar ou desligar suas funções.

Nesse caso, não importa onde os sensores estejam instalados, assim que o invasor estiver próximo deles, a posição dele logo será detectada pelo dispositivo.

Alarme magnético para portas e janelas

Alarme residencial e sensor de presença

Por se tratarem de pontos vulneráveis de toda residência, portas e janelas precisam de proteção reforçada para não serem violadas. Por isso, é importante que um sensor magnético esteja instalado em ambas.

Ao detectar alterações e distúrbios em um campo magnético, esse alarme residencial rapidamente identifica se há alguém forçando a abertura de portas e janelas e automaticamente ativa uma sirene, que emite um sinal sonoro em volume alto, alertando toda a vizinhança para a presença do invasor.

Atualmente, existem três tipos de sensores magnéticos: o aparente, indicado para janela de vidros e portas, o de embutir, usado em portas e janelas de madeira e o do tipo metálico, mais resistente, recomendado para portões pesados e portas de enrolar.

Vantagens de instalar um alarme residencial

1- Residência Valorizada

Alarme residencial e sensor de presença

Qual é a diferença entre um imóvel que possui um alarme e aquele que permanece desprotegido? Geralmente, o segundo tipo ganha em termos de valorização para o mercado, fazendo com que o proprietário reembolse um valor considerável caso consiga vendê-lo.

Uma residência constantemente protegida se torna mais valorizada, pois há uma preocupação maior com os bens materiais que estão no seu interior. Isso tem efeitos diretos a longo prazo, principalmente no aumento do valor do domicílio, destacando-o dos demais localizados na mesma rua.

2- Possibilidade de integração com um sistema de monitoramento

Alarme residencial e sensor de presença

Além de incrementar a segurança do seu domicílio, o alarme residencial pode ser instalado em conjunto com um sistema de monitoramento, garantindo uma proteção ainda mais reforçada para o imóvel.

Como algumas câmeras contam com uma área de cobertura maior, graças às suas lentes, além de base que gira no sentido vertical, de um lado para o outro, as chances de haver pontos cegos é reduzida consideravelmente.

3- Tranquilidade a qualquer hora do dia

Alarme residencial e sensor de presença

Com sensores de presença instalados em pontos estratégicos da sua residência, o morador fica mais tranquilo, pois todo o perímetro em torno do seu imóvel é monitorado.

Com um alcance de até 6 metros de distância do alarme com sensor de presença, você antecipa qualquer atividade suspeita, principalmente durante a madrugada, período em que os invasores mais costumam agir, já que todos os ocupantes do imóvel estão dormindo.

4- Alterne entre os modos de campainha e alarme

Alarme residencial e sensor de presença

Os alarmes para casas também podem ser ajustados para funcionarem no modo campainha, eliminando a necessidade de instalar um mesmo dispositivo do tipo.

Fica a critério do proprietário do imóvel, configurá-lo como campainha ou alarme residencial, aumentando sua funcionalidade como um aparelho versátil, econômico e funcional, feito para trazer mais praticidade para o dia a dia dele e da sua família.

 

Restaurante Tragga no Humaitá

Dica de restaurante no Rio!

Vou começar o ano com um post que eu prometi no final do ano passado, quando voltei da comemoração de fim de ano de O Boticário – mostrei aqui: Kits de Natal O Boticário – amigo oculto no Tragga

Contei que conheci o Restaurante Tragga, no Humaitá (endereço no final do post), e que vale a pena conhecer, por isso quero contar em detalhes o que vi (e comi!) para deixar essa dica pra você que é do Rio o que está passeando por aqui.

Entradinhas, vinhos e mais entradinhas

A especialidade da casa é carne, mas vou deixar pra falar delas nos pratos principais. Vamos começar pelas entradinhas porque são irresistíveis. Los Hermanos são uns dadinhos de tapioca com queijo provolone que vem acompanhados com uma deliciosa geléia de pimenta. Por fora eles são torradinhos, parecem super apetitosos…e são! #RECOMENDO

Ainda nas entradinhas… as empanadas são imperdíveis! Mas elas são bem servidas, por isso se você quiser aproveitar bem o prato principal divida com alguém – a não ser que você realmente seja forte, kkkkkkk Comi uma empanada de cordeiro especial:

 

Vinhos

A carta de vinhos do Tragga é muito digna, viu? Tem opções mais em conta, como este Pinot Noir que está na foto, o Alfredo Roca, que alcança anota 3.5 no Vivino (já conhece o aplicativo? Tenho perfil lá, luvilelapaes). Fora ele ainda tem Catena Malbec, Catena Zapata pra quem pode $$$ – e a adega linda ainda faz parte do deccor aconchegante do restaurante.

Almoço no Restaurante Tragga

Olha…se eu contar tudo que nós experimentamos vocês vão assustar. Mas eu vou contar assim mesmo :) Escolher o corte foi uma tarefa complicada, pois sou dessas que fico com dó do que eu deixo de escolher, e as opções eram realmente muito boas. Fiquei com o Shoulder, um corte mais fino e extremamente macio, que vem bastante generoso (eu não devia ter comido aquela empanada inteira, kkkkk): Restaurante Tragga - cortes argentinos - Humaitá - RJ Extremamente macia, a dica é pedir ao ponto, já que é um corte fino. Para acompanhar, pedimos a farofa Especiale, farinha panco, uma farinha de pão bem crocante que eu quero pra vida toda agora (estou atrás dela!!!), risotos de malbec e de grana padano, e as batatas à provençal:  

Ahhhh, papai! Ainda bem que eu estou com a minha rotina fitness em dia, comi sem culpa. 😀 😀 😀

Sobremesas

Acabou não. Senta que ainda tem as sobremesas, outra tarefa difícil:


Vou só contar o que é, sem muita explicação porque, né, não precisa:

De cima para baixo: 1 -Churros com sorvete e doce de leite ARGENTINO – aquele aveludado!

2- Mousse de chocolate

3- Panqueca de doce de leite ARGENTINO com sorvete

 

Foi intenso, viu? #RECOMENDO

Experiência maravilhosa, já estou planejando a volta com o marido. Pra quem quiser conhecer, o Restaurante Tragga fica na Rua Capitão Salomão, 74 – Humaitá – RJ – Fone (21)3507-2235

Site: www.tragga.com.br

Instagram: @restaurantetragga

Saia Midi – Conexão Carioca

Desejo de outono: saia midi!

Hoje o Conexão Carioca vai falar sobre moda – em especial alguma peça de roupa que esteja na nossa cabeça mas não necessariamente no nosso armário. Que é o meu caso!

Acho que sempre fui apaixonada pela saia midi, quando vejo algum look com essa saia eu sempre salvo na minha pastinha mental de referências (até algum tempo atrás ela existia no computador também). Mas como o termo midi se refere ao comprimento e eu ainda preciso complementar: estou querendo falar sobre saia midi godê, evasê ou plissada. Os modelos mais justos já não me atraem muito.

Acho feminina, versátil, e quando penso que daqui a pouco (se Deus quiser!) o calor vai dar um trégua eu já consigo me imaginar vestindo uma – mas pra isso preciso encontrar a minha. Adoro aquela marcação na cintura e o fato de ser larguinha e não marcar os quadris. Acho que dá mais liberdade, pois não preciso me preocupar se a calcinha está marcando ou se a saia está curta demais. Mas como nem tudo são flores, ela pode me causar alguns problemas, como o excesso de volume no quadril – e tá aí uma coisa de que eu não preciso justamente no quadril!

Inspirações não faltam, e enquanto eu estava separando o que iria postar eu simplesmente não conseguia eliminar nenhuma, então preparem-se para uma enxurrada de inspirações fashion – LOOKS COM SAIA MÍDI!

Looks com saia midi floral

Looks com saia midi floral

Preferência nº1! Aliás, sou maniada com floral em decoração também, e muitas vezes quando vejo tecidos florais para decoração fico imaginando como ele ficaria lindo em roupas, e vice-versa. Amo a possibilidade de combinações que o floral permite, inclusive com outras estampas, não necessariamente um top liso.

Saia midi lisa

Saia midi lisa

Teoricamente os tecidos lisos são mais fáceis de combinar (digo isso pois na prática, pelo menos pra mim, eu não coloco tantas limitações para as estampas mas isso não acontece com todo mundo) e se tornam uma opção maravilhosa para o dia a dia, até para ambientes de trabalho – só tem que tomar cuidado com o excesso de glamour para alguns ambientes de trabalho.

Saia estampada listrada

Saia estampada listrada

Confesso que listras horizontais não são minha primeira opção no armário, mas preciso confessar que vivo namorando esse padrão, especialmente para compor o visual navy da Paolla Oliveira.

Saia midi estampada

Saia midi estampada

Ok, as outras que eu mostrei até agora também são estampadas, mas separei aqui estampas variadas que eu usaria, especialmente por achar que não são aquele tipo de estampa que aumenta demais o volume.

E você, também está de olho em alguma peça pra morar no seu armário?

Veja também o que as meninas do Conexão Carioca estão pensando sobre isso:

Ana Farias no Trendy Twins

 Dafne Dias no Elfinha

 Luciana Gimenes no Sacolando

 Patricia Meireles no Fuxico de Mulher

 Cláudia Speroto no Usei Contei

7 dicas para levar sua comida para o trabalho

Veja 7 opções para levar sua comida para a escola ou trabalho

Levar comida de casa para a escola ou trabalho é sempre a melhor opção, por mais que seja um pouco mais trabalhoso. Houve uma época em que muitas pessoas tinham vergonha, como se isso fosse um atestado de pobreza que mostrava pra todo mundo que ela não tinha dinheiro para comprar comida na rua. Pode parecer bobagem para alguns, mas isso acontecia sim.

Hoje em dia, ainda bem, a cabeça das pessoas (ou da maioria) já é outra, e mesmo que nem todo mundo leve sua própria comida, se perguntassem para todo mundo eu tenho certeza de que a maioria esmagadora iria preferir comer uma comidinha feita em casa em vez de comer qualquer coisa na rua. Pelo menos esta é a opinião da maioria das pessoas que eu conheço!

E tem vários motivos para que você se apegue a esta ideia:

-é mais barato

-você tem certeza do que está comendo. Andam encontrando carne de cachorro em alguns pastéis aqui do Rio… e larvas também… (procure no Google…)

-você tem mais garantia de higiene, pois é você quem prepara na sua cozinha

-pode variar o cardápio em vez de comer sempre naquele mesmo lugar que está ao lado do trabalho. Geralmente se tem uma lanchonete mais em conta ao lado do trabalho é lá que você vai poder comer sempre, não é?

-é mais saudável. É bem provável que você não leve frituras e salgadinhos de casa. Mas é muito provável que você compre isso se for comer na rua…

Agora vamos à unica desvantagem disso: dá trabalho e exige planejamento. 

Mas convenhamos…vale a pena, não vale?

Então vamos lá, o que podemos fazer para facilitar isso?

-Faça uma lista de compras com tudo o que vai precisar por uma semana.

-Aproveite o fim de semana, preferencialmente o domingo, para organizar tudo que precisa caso você queira preparar algum alimento mais trabalhoso, como um peito de frango desfiado, por exemplo.

-Se você sai muito cedo, deixe a comida pronta e embalada na noite anterior.

 

Quer dicas de alimentos? Então vamos lá:

-barrinhas de cereal, potinhos de granola, biscoitos (prefira os mais saudáveis, como os integrais), torradas, mini sanduíches (se você tiver geladeira disponível pode usar queijos, presunto, etc), porções de cereais.

-maçã, pera, goiaba, uva são práticas pois não precisam ser picadas. Mas outras frutas podem ser levadas em potinhos: abacaxi, manga, mamão.

-sucos de fruta, água de coco, iogurte e preparados como vitaminas, sucos detox.

Separei dicas de lanches, mas você também pode levar seu almoço. Veja uma sugestão ali na frente! 😉

 

Vou deixar aqui algumas opções para levar sua comida de casa para o trabalho ou escola. Existem muitas opções, e mesmo que algumas sejam mais caras veja se o investimento vale a pena, pois é importante que elas vedem bastante (no caso de levar comidas que soltem líquidos, como algumas frutas) e de preferência sejam térmicas.

7 dicas para levar sua comida para o trabalho

 

 

 

 

1 Marmita Today’s Menu – Essa marmita plástica da marca espanhola Balvi, tem duas divisórias que medem 18,5 cm X 12,5 cm X 4 cm cada. Acompanha garfo e colher plásticos reutilizáveis de 14 cm cada. Pode ser usada em microondas, sem a tampa.

2-Marmita Fuel Trudeau com garfo e faca – A marmita com talheres da Fuel podem ser levados ao micro-ondas e á lava-louças, facilitando a limpeza.

3- Garrafas da Bento Store –  A loja Bento Store tem várias opções de marmitas, lancheiras e garrafas, de todos os preços e tamanhos. Vale a pena procurar na loja.

 

7 dicas para levar sua comida para o trabalho

4- Marmita Carta –  A marmita possui dois andares. O pote superior possui duas divisórias, entre o pote superior e o inferior, há uma divisória onde estão os talheres (garfo, colher e faca). A tampa da marmita vem com fechos que se encaixam nas laterais do produto, fechando-a e mantendo o seu alimento bem protegido. Capacidade para 1,4l. Atenção: Ao inserir comida na marmita, recomenda-se carrega-la apenas na posição horizontal, ao contrário, podem ocorrer vazamentos através da tampa.

5Tupperware Bandeja Regular – Esta marca é o clássico dos clássicos, não é? Quem nunca teve uma Tupperware em casa? 😀 As opções são muitas, inclusive de bandejas que se encaixam dentro dos potes da marca e você pode montar do jeito que quiser. Esta bandeja tem divisórias para deixar a comida separadinha lá dentro.

6Lunch Bag da Built NY – esta é famosa por aqui. Já mostrei a minha Lunch Bag, uso até hoje, e por enquanto as minhas filhas usam lancheiras mas depois vão passar a usar uma dessas para levar lanche para a escola.

 

 

7 dicas para levar sua comida para o trabalho

7- Pote Hermético – este de vidro é da Tok Stok mas você pode usar qualquer pote de vidro com tampa para fazer a Salada no Pote, ou Salad In A Jar. Se você buscar receitas no Google vai encontrar muitas opções, e é super prático para o almoço! O importante é seguir o roteiro que deixa sempre os alimentos molhados por baixo e os secos por cima. Não é demais?

Este esquema da foto foi retirado do site The Kitchn

Espero que este post encoraje você a aderir a esta ideia! Me conte, você leva sua comida para o trabalho ou para a escola, faculdade?

 

Dica de salão em BH: Glam Appetit

Estive em BH e conheci o novo salão de beleza do Buritis: Glam Appetit

Matei a saudade da família no feriado e aproveitei um pouquinho de BH… <3 (saudades!) Aceitei o convite da Patrícia para conhecer seu novo espaço no Buritis: o salão boutique Glam Appetit. Vou mostrar muitas coisas pra vocês durante esses dias, pois conheci algumas coisas, aprendi outras, experimentei e vou poder dar minha opinião depois da minha experiência, que é o que eu realmente gosto de fazer no blog!

Dica de salão em BH: Glam Appetit - no Buritis

Se você é dessas que não se sentem bem em “salão-ostentação”, pode ir pro Glam Appetit. Ele é lindo, super bem trabalhado no design, mas ao mesmo tempo é aconchegante e as pessoas fazem você se sentir bem lá dentro. Acho que muita gente vai se identificar com o que eu estou falando, pois vocês comentam muito esse tipo de coisa aqui comigo!

Dica de salão em BH: Glam Appetit - no Buritis

O pessoal do salão é super treinado, todas fizeram cursos de aperfeiçoamento em suas áreas e são muito boas no que fazem. Eu fiz cauterização capilar da Redken, spa dos pés e mãos, esmaltação tradicional , esmaltação em gel (fiz questão de fazer pois só ouço falar da opinião das pessoas e dessa vez vou dar a minha!), coloração com profissional Colour Expert da Loreal Professionnel (estou ruivaaaaa!!!!), e enquanto estava lá vi a Patrícia trabalhando com design de sobrancelhas, vi o resultado de uma escova progressiva (sem formol), bati papo com algumas clientes, enfim, dá pra ter uma boa noção do trabalho deles, né?

Dica de salão em BH: Glam Appetit - no Buritis

Além desses procedimentos que eu fiz e vi, também tem depilação, maquiagem, alongamento de cílios, vários tipos de alongamento de unhas – uma coisa polêmica, pois já vi de tudo um pouco – e que são muito bons se forem bem executados, e aí está a diferença que faz entre fazer em casa ou com qualquer pessoa, e fazer com um bom profissional.

Vou ter que falar sobre isso detalhadamente no post sobre as unhas em gel, pois tenho fotos e preciso fazer um post exclusivo. Muita gente já me perguntou mas eu não conhecia muita coisa sobre isso, apenas vi na internet, mas agora vou poder falar direito!

Sempre que você for ao Glam Appetit fazer algum procedimento você terá uma boa análise do que você precisa e uma explicação correta de tudo que será feito. Isso traz muita segurança, não é? Vemos que estamos entregando nossos cuidados a quem realmente sabe o que está fazendo. Eu sempre comento aqui no blog, mesmo sendo corajosa para fazer algumas coisas sozinha eu SEMPRE valorizo o bom profissional. Tem coisas que só eles tem conhecimento e treinamento pra fazer!

 

Dica de salão em BH: Glam Appetit - no Buritis

Patrícia e eu (a ruiva!) –> sim, eu estou chata e vocês vão ter que me aguentar, kkkkkkkkkk

Vou deixar aqui todos os contatos do Glam Appetit para vocês tirarem dúvidas sobre procedimentos, preços e horários:

Glam Appetit – Salão Boutique

Av. Prof. Mario Werneck, 1943

Buritis – BH -MG

Fone: (31) 33789500

Whatsapp: (31) 85333583

Facebook: www.facebook.com/GlamAppetit

Instagram: @glam_appetit

 

*O post não é publieditorial. A blogueira foi convidada pelo salão e o conteúdo do post reflete a opinião sincera sobre os serviços.

 

 

 

 

20 maneiras de usar o óleo de coco

Você conhece as utilidades do óleo de coco?

Uma coisa que eu descobri nos últimos meses foi o óleo de coco. Eu me lembro de ter procurado em BH algumas vezes mas nunca encontrei – na verdade eu só procurei no comércio do bairro, eu sei que se eu tivesse ido em lojas especializadas teria encontrado – mas por aqui eu encontro bem mais fácil, nos supermercados e nas lojas de produtos naturais, que tem em toda esquina. Comecei a usar na cozinha, substituindo o óleo vegetal em refogados, mas o óleo de coco é aquele tipo de produto que tem 1001 utilidades. Quer ver?

20 maneiras de usar o óleo de coco

1- Hidratante

Pode ser espalhado em todo o corpo, inclusive rosto e pescoço. Quem tem pele oleosa não precisa ter medo!

2- Cuidado da região dos olhos

Aplique sob os olhos para reduzir a aparência de inchaço e bolsas. Use sobre as pálpebras à noite.

3- Pré-depilatório

Use o óleo de coco para acalmar e preparar a pele para a depilação

4- Pós-depilatório

Vai ajudar a melhorar a sua pele após a depilação, sem obstruir os poros.

5- Desodorante

Usado sozinho pode ser utilizada como um desodorante, mas fica ainda mais eficaz em combinação com amido de milho / araruta em pó e bicarbonato.

6- Condicionador para Cabelos / Tratamento Profundo

Use como leave-in aplicando uma colher de chá de óleo de coco somente nas pontas e em seguida corra os dedos através de todo o cabelo para distribuir o resto!

Para um tratamento mais profundo, esfregar uma colher de sopa de óleo de coco em seu couro cabeludo seco e gentilmente trabalhar até as extremidades. Coloque uma touca de banho para evitar a transferência para roupa de cama e deixar  durante a noite.

7- Modelador / Deffrizzante

Esfregue um pouco entre as palmas das mãos e amasse o cabelo e amasse o cabelo, no caso dos cabelos cacheados, ou  deslize os dedos entre os cabelos, como se fosse um pente, no caso de cabelo ondulado /reto.

8-Demaquilante

Use um cotonete ou um disco de algodão com um pouco de óleo de coco para retirar a maquiagem, funciona super bem!

9-Cuidado dos lábios/ lipbalm

Basta esfregar um pouco nos lábios e ele age como um agente de amaciamento.

10- Óleo de massagem

Basta colocar um pouco nas mãos, esfregar e massagear.

11- Na amamentação

Só as mamães sabem como é preciso hidratar e cuidar dos mamilos, que ficam super machucados no início da amamentação. O óleo de coco funciona muito bem para nutrir mamilos rachados, doloridos, ou secos. Aplique com uma bola de algodão e deixe em seus mamilos entre as mamadas.

12- Anti-assaduras

Protege o bumbum do neném das marquinhas das fraldas e também é ótimo anti-assaduras.

13- Crostas na pele e no couro cabeludo do bebê

Na pele do bebê é comum aparecerem casquinhas no couro cabeludo, e também atrás das orelhas e dobrinhas. Isso deve ser retirado sempre com óleo, para não irritar a pele que é tão sensível e fininha. Esfregar um pouco de óleo de coco faz essa sujeirinha toda sair e ainda nutre a área massageada.

14- Esfoliação

Misturar o óleo de coco e açúcar  e massageie o corpo todo! Após exaguar e sua pele estará super macia! Você pode adicionar  óleos essenciais se quiser um cheiro específico.

15- Cicatrização

Quando aplicado sobre arranhões e cortes (não profundos), o óleo forma uma camada fina de proteção, criando uma barreira contra a sujeira, e ainda ajuda no processo de cicatrização  por nutrir o tecido danificado.

16- Picadas de insetos

Ajuda a minimizar a coceira e a dor.

17- Repelente de insetos

Misture com extrato de óleo de hortelã-pimenta e aplique sobre a área do corpo que quer proteger dos insetos.

18- Tratamento da acne

O óleo de coco contém ácido láurico, muito potente contra as bactérias. Temos tendência a achar que todo óleo faz mal à pele acneica ou mesmo a oleosa, mas não é assim. Você pode aplicar um pouco de óleo e esfregar até que ele seja absorvido, e a pele acneica ficará tratada e limpa.

19- Lustra móveis

O óleo de coco funciona muito bem para polir móveis de madeira, e ainda pode lubrificar as dobradiças.

20- Manutenção de bolsas e sapatos

Você pode usar o óleo para limpar e hidratar o couro natural.

 

Ufa! Por isso eu conheço pessoas que são fãs desse óleo, ele é realmente multi-uso e muito eficaz. Você sabia que podia aproveitar o óleo de coco de tantas maneiras assim?

 

Qual a ordem certa para aplicar produtos de pele?

Qual a ordem dos cosméticos para o rosto?

Existe uma ordem certa de aplicação dos produtos de beleza? Esta é uma pergunta que de vez em quando escuto aqui:”nossa, tem tanto produto, como saber o que vem primeiro?”  Além de existirem muitos produtos, ainda existem muitas combinações possíveis que podem fazer parte do seu tratamento. Tem gente que precisa clarear a pele, tem gente que precisa de anti rugas, etc.

Então eu resolvi fazer este post para mostrar o que eu faço, pois sigo uma lógica para fazer minha rotina de cuidados com a pele. Existem algumas variações também, vou explicando tudo durante o post. Querem ver?

Lembrando sempre: o que eu mostro aqui não é a regra, mas o que funciona em mim. O ideal mesmo é saber as necessidades da sua pele, de preferência estabelecer uma rotina de cuidados com o seu dermatologista.

1- Ordem dos cosméticos na rotina básica de cuidados

Vou “começar pelo começo”, hehe! O básico: se você ainda não faz nada pela sua pele, ou tem preguiça de cuidar, isso aqui é o mínimo que você deveria fazer. É um bom começo, e depois você começará a sentir se precisará de mais produtos ou não. E pra quem tem seus 20 aninhos já tá ótimo, nem precisa mais que isso!

Não tenha dúvidas por onde começar:

  1. Limpeza de pele (gel de limpeza, sabonete líquido)
  2. Tonificação (tônico, tônico adstringente, água micelar)
  3. Hidratação (hidratante, água termal)
  4. Proteção Solar

qual a ordem dos cosméticos na pele

 

 

Sem querer ser repetitiva, mas já sendo, isso você já deve ter lido em algum lugar, não é?

  • se você está usando maquiagem, antes de usar o produto de limpeza tire a maquiagem dos olhos com demaquilante, e passe demaquilante na pele do rosto também, para tirar o “grosso”
  • Sobre usar tônico ou tônico adstringente: sabe a diferença entre um e outro? Veja no post: Demaquilante, tônico e adstringente, quando usar?
  • Entenda porque usar um tônico depois da Limpeza de Pele no post sobre o pH da Pele

2-Ordem dos cosméticos com produtos anti rugas, clareadores de pele, etc

Agora vamos falar pra quem usar mais produtos além desses básicos. Se você está com 25 anos ou mais já pode inserir em sua rotina alguns desses produtos, converse com seu dermatologista!

Aqui tem:

vitamina C para o rosto

clareadores de pele 

cremes com ácido hialurônico

para você pesquisar, já viu?

 

O ideal aqui é ter uma lógica para seguir, pois os produtos podem variar muito de rotina para rotina. Então a ideia é fazer com que você saiba o que usar primeiro mesmo que você troque os produtos depois. E como fazer isso?

Simples, pela textura dos produtos.

ual a ordem dos cosméticos na pele

 

  • Contorno dos olhos – isso é fácil. Tanto faz ser primeiro ou último, pois na área dos olhos ele vai ficar sozinho, sempre separado dos produtos de pele. Não passe o produto de pele na área dos olhos, esta área deve ter cuidados específicos por ser uma pele mais fininha e sensível, portanto com necessidades diferentes.

Todos os outros produtos:

Aqui vale o bom senso. Comece sempre pelo produto que tem a textura mais leve.

E por que?

Porque eles secam mais rápido, e a rotina fica um pouco mais rápida também. Se você não espera o primeiro produto secar e logo passa outro, você não vai conseguir ter certeza de que espalhou direito, no rosto todo. Então, veja qual o produto mais leve, geralmente é o serum, o gel, gel creme, e depois passe para os mais cremosos, ou aqueles que deixam textura aveludada na pele.

  • Por último, o protetor solar. SEMPRE por último, a cereja do bolo.

 

3-Maquiagem

Depois do protetor solar, agora sim, pode se maquiar!

qual a ordem dos cosméticos na pele - maquiagem

  • Antes ou depois de qualquer etapa pode usar água termal, é uma delícia e rapidamente absorvida pela pele. Embora muitos fabricantes considerem que a  água termal  funciona com um primer, eu não acho, prefiro usar um produto específico, especialmente no calor.
  • Base ou corretivo primeiro? Isso é uma discussão que não tem fim, mas não tem regra, eu acho. Se minha pele estiver cheia de pontinhos para corrigir, uso primeiro o corretivo. Nas olheiras é comum eu usar corretivo, depois base, depois ainda dou um retoque de corretivo.

Achou que é muita coisa? Não se preocupe, sua pele aproveita! As orientais costumam usar muito mais produtos do que esses – já ouviram falar do “layering”? Bom, é a mesma coisa que mostrei aqui, a utilização de vários produtos em camadas, um por cima do outro, a diferença é que elas costumam fazer isso com 12, 15 produtos fácil, fácil.

Espero que tenha ajudado quem ainda tinha dúvidas sobre como usar, comigo funciona! Como vai sua rotina de cuidados diários?

 

 

 

 

 

 

Visite a Estação Natureza São Paulo

Aproveite o resto das férias e conheça a Estação Natureza São Paulo, saiba as informações aqui

Achar boas opções para as crianças nas férias não é tarefa fácil. Mas os paulistanos e visitantes da maior cidade brasileira tem uma ótima alternativa: podem conhecer a Estação Natureza São Paulo, exposição interativa que ensina de forma lúdica e educativa sobre os biomas brasileiros. A mostra permanente está localizada na plataforma de entrada da Estação Ciência da Universidade de São Paulo (USP), em cinco contêineres que simulam vagões de trem construídos especialmente para a exposição. Durante a visita, será possível ter uma experiência sensorial com simulação de temperatura, aromas, modelos de animais e plantas, além de painéis fotográficos e projeção de imagens das diversas paisagens naturais do Brasil.

 

Estação Natureza São Paulo

 

De acordo com a coordenadora da Estação Natureza São Paulo, Teresa Cardoso, o objetivo é sensibilizar o público. “A exposição consegue aproximar a natureza das pessoas que vivem nas cidades. Conseguimos impactar o visitante fazendo com que ele vivencie uma experiência sensorial de imersão nos diversos biomas brasileiros, conhecendo assim nossa rica biodiversidade e entendendo a conexão intrínseca que possui com ela”, explica. Ela comenta ainda que a exposição é uma ótima opção para o fim do ano. “Daqui a pouco começam as férias escolares e as famílias podem se divertir bastante aprendendo a importância de se conservar a natureza do nosso país e fortalecendo ou mesmo descobrindo o laço que possuem com o meio ambiente”, conclui.

A Estação Natureza São Paulo é uma iniciativa da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza em parceria com a USP. O espaço, criado em 2009, ficou temporariamente fechado para reformas e agora reabre ao público. As visitas precisam ser agendadas pelo projeto Giro Cultural, pelos telefones (11) 3091-1190 e 2648-0477 ou pelo e-mail: [email protected].

O que a visita oferece?

Durante o trajeto pelos cinco vagões, monitores acompanham os visitantes pelos ambientes fornecendo informações complementares ao que é vivenciado. No primeiro vagão, uma projeção audiovisual introduz conceitos importantes sobre o que será visto durante o passeio. As belezas dos ecossistemas costeiros e da Amazônia são conhecidas no vagão dois. Continuando a aventura, no terceiro vagão é possível conhecer as peculiaridades de animais e plantas do Pantanal e do Cerrado.

No vagão quatro, o visitante poderá se surpreender com a diferença de dois biomas: o ambiente seco da Caatinga e o clima úmido da Mata Atlântica, no qual é possível sentir uma fragrância marcante da região. No quinto vagão, os visitantes terão uma imersão na Floresta com Araucárias – ecossistema associado à Mata Atlântica no Sul do país – e no Pampa. Nesse último vagão os visitantes também podem ler frases de incentivo que mostram formas de contribuir com a proteção da natureza.

Serviço

Estação Natureza São Paulo

Endereço: Rua Guaicurus, 1394, Lapa – próximo ao Shopping da Lapa e Mercado Municipal da Lapa – São Paulo (SP)

Agendamento:

É imprescindível e precisa ser feito pelos telefones (11) 3091-1190 e 2648-0477.

Horário de funcionamento:

Terça-feira e quinta-feira, das 8h às 18h; com ampliação prevista ao longo do ano.

Ingressos

A entrada é gratuita

Site: www.eciencia.usp.br

 

5 presentes de última hora!

Ainda dá tempo: se você não quer enfrentar os shoppings lotados e precisa de um presente de última hora, veja este post!

Resolvi fazer este post por causa da mania do brasileiro de deixar tudo pra última hora. Aliás, como sempre, andei vendo que este ano também vai ser assim, e a previsão é de shoppings lotados até amanhã…

Mas se você quer presentear alguém, preste atenção nessas dicas! Você não vai precisar ir ao shopping pois resolvi fazer uma lista de presentes criativos que você pode fazer apenas comprando coisas em lojinhas de bairro, como farmácias, supermercados e papelaria. Quer ver?

 

Caixa de Manicure

A ideia é montar uma caixa bem bonita com ítens de manicure que a gente sempre precisa. Veja o post em que mostro a minha caixa de manicure para ter ideias de mais produtos que você pode colocar!

Presentes de última hora - Caixa de Manicure

Presentes de Natal de última hora

 

Não se esqueça de caprichar na apresentação: compre uma caixa bonita na papelaria – se for de papelão, coloque uma fita bem grande, ou então compre uma lata decorada – forre com um papel de seda e arrume os ítens com cuidado.

 

Marmita de brigadeiros ou bombons

 

Já fiz isso uma vez e todo mundo gostou! Você pode fazer os brigadeiros ou então comprar alguns bombons. Amarrar as marmitas com um tecido decorado dá um charme, e não se esqueça do cartãozinho…

Presentes de última hora - Marmita de brigadeiro

 

Spa in a Jar

Fiz um post super legal mostrando como montar um Spa in a Jar aqui no blog. Visite o post e veja como montar um – e pode ser para homens e mulheres!

 

Presentes de última hora - Spa in a Jar

 

Canecas decoradas

Outro post que eu fiz que pode te ajudar nesta hora: Ideias para usar uma Sharpie!

Você pode comprar uma caneca (ou um copo) de cerâmica no supermercado e uma caneta permanente na papelaria e mãos a obra! Se quiser ideias veja o meu post 😉

 

Presentes de última hora - Canecas decoradas

 

Carta

Por último, queria deixar aqui uma ideia que pode parecer bobagem, mas nada mais pessoal e especial do que uma carta ou um bilhete, escrito à mão, com uma bela declaração de amor ou amizade.

Vi este vídeo e queria compartilhar com vocês, acho que irão se inspirar assim como eu:

 

 

Ainda dá tempo, não deixe de agradar a quem você ama, talvez você não tenha tido oportunidade de fazer algo assim durante o ano, aproveite esse momento!

Gostaram das dicas?

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...