Pele linda aos 40 – hidratação com acido hialurônico

Como ter a pele linda aos 40? Hidratação!

Comecei a falar sobre os cuidados com a pele aos 40 mas dei um resumo sobre cada passo desse processo. Hoje quero falar especificamente sobre hidratação, que para mim foi a mudança mais significativa e perceptível, e durante o post vocês irão entender porquê.

A hidratação da pele é importante durante a vida toda, mas as necessidades são diferentes em cada fase da vida. Atualmente, eu sinto como é importante manter a pele hidratada e protegida das agressões externas (vento, frio, clima seco, sol) para que a pele tenha mais viço – e aqui eu destaco a importância da rotina, pois se você parar de cuidar por 1 semana já vai sentir os danos. Sim, a pele é um órgão do seu corpo e precisa de manutenção!

Então deixa eu começar com um resumo da hidratação que eu fazia antes para entender melhor como é hoje:

Hidratação da pele na adolescência – auge da acne

Eu era do grupo de pessoas que achava que pele oleosa e acneica não precisa de hidratação. Mais que isso, morria de medo de usar hidratante e ter mais acne ainda! Então hidratei minha pele raríssimas vezes quando experimentava e gostava de alguma novidade, mas creme hidratante para o rosto não fez parte da minha rotina nessa fase.

Hidratação suave dos 25 aos 38 anos

Aos 25 anos eu comecei a usar um hidratante muito suave da Nivea, acho que era Nivea Acqua Gel ou algo assim (não existe mais). Era um gel transparente (parecido com o Mineral 89), muito refrescante e muito leve, percebi que a pele ficava hidratada e não piorava em relação às espinhas, então usei por um bom tempo. Aos 30 anos descobri a água termal e comecei a usar diariamente. Minha rotina era basicamente uma boa limpeza, protetor solar e água termal a qualquer hora.

Pouco depois, aos 34 anos, comecei a blogar e ter mais contato com marcas de dermocosméticos, e como já usava bastante a água termal Avene e o Cleanance Gel Avene um dos primeiros hidratantes que eu usei foi o Hidratante Cleanance para  pele oleosa, e depois outros produtos que era bem parecidos com ele: uma textura creme-gel, bem suave e leve, sem nenhum óleo.

Para essa fase da minha vida esses produtos sempre foram suficientes. Até que…

Hidratação com ácido hialurônico

Depois comecei a experimentar produtos mais potentes para hidratação da pele, os primeiros cremes com ácido hialurônico. Comecei a perceber a eficiência desse ativo em minha pele e como era diferente a hidratação que ele proporcionava. Em poucos dias de uso minha pele era outra!

Foi assim com os produtos:

Liftactiv Serum 10 Supreme

Eucerin Hyaluron Filler

Hyalu B5 da La Roche

A gente sabe que o ácido hialurônico é produzido pelo nosso organismo, e depois de uma certa idade essa produção começa a diminuir – como ele é uma substância intercelular, que preenche os espaços entre as células, o resultado visível é a formação de vincos, as famosas linhas de expressão. Elas nada mais são do que aquelas linhas que se formam em nosso rosto quando expressamos emoções – sorrimos, nos assustamos, ficamos com raiva, etc. São as primeira que aparecem!

Aí é que entram os cremes que entregam esse ativo que está faltando – e eles funcionam mesmo, até certo ponto.

Se antes dos 40 a gente consegue manter a hidratação basicamente com produtos que fortalecem nossa barreira protetora contra a perda de água, aos 40, além de continuar fortalecendo essa barreira, também temos que nos preocupar em repor o ácido hialurônico.

Parece trabalhoso, mas não é. Pelo menos ainda acho melhor que começar as injeções…

Hidratação e aparecimento de rugas

A hidratação bem feita da pele é o 2º fator mais importante na nossa ação anti envelhecimento – pra mim só fica atrás da proteção solar. Eu sempre uso essa ilustração: imagine uma terra seca que fica rachada por falta de água – é isso que acontece com a nossa pele quando não é hidratada, e essas “rachaduras” são as rugas. Assim fica mais fácil visualizar, né?

O que antes funcionava muito bem para a minha pele ficar hidratada, hoje não funciona mais. Hoje eu preciso proteger a pele contra a perda de água por um lado (de dentro pra fora) e fornecer hidratação que será absorvida pela pele (de fora pra dentro). E dá resultado, viu? A pele hidratada é mais viçosa, mais iluminada, e claro, mostra sinais bem mais tarde do que se estiver ressecada. Lembre-se disso!

A textura dos hidratantes e a pele oleosa

Quis deixar um destaque aqui no post para uma coisa muito importante que aconteceu comigo. Se antes eu dava muita importância à textura e ao acabamento dos cremes hidratantes que eu usava, hoje eu abri o leque.

Por exemplo: antes, por causa da pele oleosa, todo hidratante tinha que secar totalmente na pele, sumir depois de seco – de preferência em poucos minutos! E se matificasse, melhor ainda.

Hoje eu prefiro “pagar o preço” de não ter uma textura totalmente seca em minha pele em troca de uma hidratação mais potente. Está sendo assim com o Hyalu B5 que estou usando e farei resenha em breve!


 

E aí, me contem como você tem hidratado sua pele! Já estão usando ácido hialurônico ou pretendem usar? Quero saber!

 

 

 

 

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 Comentários

  1. Ana Beatriz
    mai 31, 2018 @ 15:09:25

    Tenho usado hidratante com FPS e creme para olhos com ácido hialurônico da marca Profuse e tenho adorado! Outra coisa que mudou minha pele foi vitamina C, que uso da Skinceuticals. Tenho 42 anos e já cuido de minha pele há muitos anos. Tenho minha rotina também e vale a pena o custo/benefício!! Bjos!

    Reply

    • Luciana Vilela
      mai 31, 2018 @ 20:05:11

      Vitamina C também fez uma diferença incrível na minha pele, será o próximo assunto dessa série de posts que estou fazendo 😉 Beijos!

      Reply

Deixe um comentário!

*